Protesto contra o lockdown termina com centenas de presos na Austrália

Governo sustenta que vai manter o fechamento da economia
-Publicidade-
Protesto em Melbourne, na Austrália | Foto: Reprodução/YouTube
Protesto em Melbourne, na Austrália | Foto: Reprodução/YouTube

A polícia australiana prendeu 235 pessoas em Melbourne e 32 em Sydney em protestos contra o lockdown em vigor no país. Milhares saíram às ruas contra o fechamento da economia. Há registros de policiais e manifestantes feridos.

O ato ocorreu no sábado 18. A maioria das restrições estabelecidas pelo Poder Executivo devem permanecer até que pelo menos 70% das pessoas com 16 anos ou mais estejam totalmente vacinadas, informou o governo federal.

Leia também: “O fracasso do lockdown”, reportagem publicada na Edição 45 da Revista Oeste

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Os australianos tem que lutar, processar e colocar na cadeia essas “autoridades” que estão abusando do poder que lhes foi concedido.

  2. Prendendo tanta gente, onde vai parar o “distanciamento social” que motiva o lockdown? O mundo pirou ou… é só pelo controle das mentes mesmo

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.