Putin não descarta bloquear serviços estrangeiros de Internet

Medida poderia ser adotada em caso de hostilidade contra a Rússia
-Publicidade-
Presidente da Rússia, Vladimir Putin
Presidente da Rússia, Vladimir Putin | Foto: Reprodução/Kremlin

O presidente russo, Vladimir Putin, disse no sábado 13 que não descarta a possibilidade de bloquear os serviços estrangeiros de Internet na Rússia em caso de ações hostis contra o país.

Segundo a agência de notícias Sputnik, a discussão sobre a necessidade de um ciberespaço autônomo surgiu na Rússia em meio às preocupações em relação ao controle de grandes empresas de tecnologia dos Estados Unidos sobre o espaço virtual na internet.

-Publicidade-

Leia mais: “Trump diz que movimento ‘Fazer a América grande de novo’ só começou”

Putin destacou que quaisquer restrições aos serviços estrangeiros de internet só serão implementadas quando o país tiver uma alternativa própria.

“Eu não quero cortar nada artificialmente, mas em caso de ações hostis serem realizadas, não excluo isso. Ações hostis em relação ao nosso país são inaceitáveis​”, disse Putin durante uma reunião com editores de mídia russos.

Putin disse ainda que existem muitos serviços domésticos de tecnologia na Rússia, como o Yandex e o Sberbank, que têm boas perspectivas.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Acho que a DEMOCRACIA é desse formato China e Rússia exemplos de liberdade. Que tal o NOSSO presidente Bolsonaro fazer o mesmo??? Face book ,TWITTER, YouTube seria muito interessenta ver como a midia militante reagiria. É brincadeirinha gente! 🤔😂😂😂🤪

    1. Twitter bloqueou Trump, perfis conservadores nos EUA na reta final. Será que não fará o mesmo aqui. Parler, visto como alternativa, tirado do ar. Em 2018, mídia social foi decisiva no Brasil e hoje ainda é, e, as “Big techs” sabem disso. Seria loucura imaginar algo semelhante no pleito em 2022.? E que alternativas os conservadores terão?

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site