-Publicidade-

Queimada no sul da França tira 2,7 mil pessoas de casa

Mais de mil hectares foram destruídos perto de Marselha antes que o fogo fosse controlado e, segundo bombeiros, danos ainda não foram calculados.
Até o momento, o presidente francês, Emmanuel Macron, não se pronunciou sobre a queimada no sul de seu país | Foto: Facebook/Bataillon de Marins Pompiers de Marseille
Até o momento, o presidente francês, Emmanuel Macron, não se pronunciou sobre a queimada no sul de seu país | Foto: Facebook/Bataillon de Marins Pompiers de Marseille | queimada, frança, marselha

Mais de 1.000 hectares foram destruídos perto de Marselha antes que se controlasse o fogo e danos ainda não são conhecidos

queimada, frança, marselha
Até o momento, o presidente Emmanuel Macron não se pronunciou sobre a queimada no sul da França | Foto: Facebook/Bataillon de Marins Pompiers de Marseille

Ao menos 2,7 mil pessoas tiveram de ser retiradas de casa na região de Marselha, no sul da França, devido a queimadas.

Mais de 1.000 hectares foram destruídos antes que se controlasse o fogo. Ninguém ficou ferido, mas os danos causados pelo incêndio ainda não são conhecidos.

As causas da queimada não foram divulgadas.

Entre 2015 e 2019, uma média de 9,3 mil hectares de floresta queima todos os anos nos departamentos franceses da costa do Mediterrâneo.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. Cadê a Greta, cade os ambientalistas, a França está matando os “mico leões”, eles estão destruindo florestas, não sabem cuidar do meio ambiente, o Brasil precisa salvar a França.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês