Rússia articula operações de sabotagem na Ucrânia

É o que informou o governo dos EUA
-Publicidade-
Putin deve invadir a Ucrânia em fevereiro, avalia agente da Casa Branca
Putin deve invadir a Ucrânia em fevereiro, avalia agente da Casa Branca | Foto: Reprodução/Flickr

O governo da Rússia enviou agentes ao leste da Ucrânia em preparação para operações de sabotagem e invasão. É o que informaram fontes da Casa Branca nesta sexta-feira, 14, ao Wall Street Journal.

“A Rússia já preparou um grupo de agentes para conduzir uma operação de bandeira falsa no leste da Ucrânia”, disse um funcionário do Executivo norte-americano, em caráter reservado, à publicação.

De acordo com o servidor do Poder Executivo dos Estados Unidos, os agentes são bem treinados em guerra urbana e no uso de explosivos para realizar atos de sabotagem, inclusive contra as próprias Forças Russas.

-Publicidade-

O governo Biden acusou o presidente Vladimir Putin de tomar ações que serviriam de justificativa para uma potencial invasão de seu vizinho, que pode ocorrer entre meados de janeiro e de fevereiro.

Entre outras iniciativas de Putin está o uso das redes sociais na Ucrânia. Conforme a fonte do Wall Street Journal, os russos estão usando as redes para manipular a opinião pública e gerar insurgências naquele país.

A Casa Branca alertou a Rússia para “graves consequências”, incluindo amplas sanções ao país se ele lançar uma invasão à Ucrânia, como fez em 2014. A gestão Putin não se manifestou sobre as declarações dos EUA.

Leia também: “A preservação das liberdades”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na Edição 95 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.