Tesla é condenada a pagar quase US$ 140 milhões por racismo contra ex-funcionário

Owen Díaz trabalhou como operador de empilhadeira entre 2015 e 2016 em uma fábrica de Fremont, na Califórnia
-Publicidade-
O bilionário Elon Musk é proprietário da Tesla
O bilionário Elon Musk é proprietário da Tesla | Foto: Reprodução/Redes sociais

A Tesla, empresa do bilionário Elon Musk, foi condenada por um tribunal da Califórnia a pagar uma indenização de quase US$ 140 milhões para um ex-funcionário que acusava a companhia de racismo. A sentença foi anunciada na segunda-feira 4.

Owen Díaz trabalhou como operador de empilhadeira entre junho de 2015 e julho de 2016 em uma fábrica da Tesla localizada em Fremont, na Califórnia. O funcionário teria sido alvo de ofensas racistas em meio a um ambiente de trabalho “hostil”, segundo os autos do processo.

Leia mais: “Tesla supera projeções e vende mais de 241 mil veículos no 3º trimestre”

-Publicidade-

Durante o julgamento, Díaz afirmou que os funcionários negros da fábrica eram xingados frequentemente e recebiam apelidos racistas. Seu filho também trabalhava no local.

Segundo o processo, a “imagem progressista da Tesla era uma fachada para ocultar o tratamento degradante para com seus funcionários afro-americanos”.

Leia mais: “Tesla anuncia robô humanoide para executar tarefas ‘enfadonhas’”

Díaz relatou ainda que apresentou uma série de reclamações à Tesla, mas a empresa não tomou nenhuma atitude para banir esse tipo de comportamento. “Estamos felizes que o júri tenha visto a verdade e tenha estabelecido uma soma que, com sorte, levará a Tesla a agir”, afirmou um dos advogados do ex-funcionário, Lawrence Organ, ao jornal The Washington Post.

Leia também: “Tesla atinge marca de 200 mil veículos entregues em apenas um trimestre”

Com informações da Radio France Internationale

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

5 comentários Ver comentários

  1. Radio France = Foice de São Paulo. Saiam dessa, um noticiário de rádio de minha cidade usa essa porcaria é totalmente de esquerda.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.