Trump atua para reduzir poder das empresas de mídia social

Presidente quer rescindir da Lei das Comunicações trechos que beneficiam as donas de redes sociais
-Publicidade-
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump | Foto: SHEALAH CRAIGHEAD/CASA BRANCA
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump | Foto: SHEALAH CRAIGHEAD/CASA BRANCA | Donald Trump

Presidente quer rescindir da Lei das Comunicações trechos que beneficiam as donas de redes sociais

Trump - adiar - encontro - G7
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump | Foto: Shealah Craighead/Casa Branca
-Publicidade-

O presidente Donald Trump afirmou que vetará o projeto de lei de defesa dos Estados Unidos, caso o congresso norte-americano não retire a imunidade das empresas de mídia social. Hoje, elas possuem proteções legais sobre o conteúdo postado em suas plataformas. O republicano quer rescindir trechos da Lei das Comunicações. Os dispositivos asseguram a essas companhias o direito de não serem processadas por postagens difamatórias publicadas por usuários. De acordo com Trump, o Facebook, o Twitter e similares perseguem e censuram usuários conservadores. Não é de hoje que o presidente defende pôr fim aos benefícios. A tensão entre o mandatário e as big techs aumentou depois de as redes sociais anexarem às postagens de Trump alertas de checagem de fatos, induzindo internautas a pensarem que as publicações seriam fake news.

Leia também: “A obsessão da imprensa por Donald Trump”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na edição n° 36 da Revista Oeste

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

5 comentários

      1. Demorouuuu!!! Essas mídias ULTRAPASSARAM todos os limites da isenção profissional! ! Mostrou o dinheiro, comprou! Devem ser responsabilizados com multas elevadíssimas SIM!!

  1. Deveria ser feito o mesmo em todos os países do mundo, as mídias sociais são hoje, uma ameaça a democracia e as liberdades individuais.

  2. Se essas mídias praticam a censura de conteúdos e postagens, não são meras plataformas, mas editores de conteúdo. Devem, portanto, ser responsabilizadas por postagens com conteúdo ofensivo, uma vez que decidem o que fica na plataforma e o que deve sair. Na verdade, essa é uma adequação da lei à realidade de como essas plataformas vêm se portando. Podem editar e censurar, mas daí perdem a imunidade. Se são livres para fazer o que querem, devem responder por isso na mesma medida. O Trump está certíssimo.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site