Trump defende medidas de distanciamento social

Presidente afirmou que a prorrogação das medidas de distanciamento social foi tomada após ouvir a opinião de especialistas.
-Publicidade-
O presidente Donald Trump
Foto: Shealah Craighead/White House
O presidente Donald Trump Foto: Shealah Craighead/White House | O presidente Donald Trump

O presidente dos Estados Unidos afirmou ainda que a taxa de letalidade está baixa no país e que “centenas de milhares de pessoas” estão sendo testadas

O presidente Donald Trump | Foto: Shealah Craighead/White House
-Publicidade-

Em entrevista nesta segunda-feira, 30, à Fox News, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que um novo teste mais rápido para o coronavírus vai estar disponível nesta semana.

O presidente norte-americano afirmou ainda que a pandemia de coronavírus no país deve atingir o ápice “por volta da Páscoa” e que só depois deve começar a desacelerar.

Trump disse que os números estão tão altos nos EUA porque “centenas de milhares de pessoas” estão sendo testadas e que, se for comparar com outros países, a taxa de morte é baixa nos Estados Unidos.

Sobre a prorrogação das medidas de distanciamento social até o final do próximo mês, o presidente afirmou que a decisão foi tomada por especialistas e que se nada fosse feito “2,2 milhões (de pessoas) poderiam ter morrido”, concluiu.

Com informações Estadão Conteúdo

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.