Xi Jinping ataca ricos e sinaliza taxação de grandes fortunas

Secretário-geral do Partido Comunista lançou programa para 'redistribuir renda'
-Publicidade-
O secretário-geral do PCC, Xi Jinping
O secretário-geral do PCC, Xi Jinping | Foto: Divulgação/Flickr

O secretário-geral do Partido Comunista da China (PCC), Xi Jinping, prometeu uma ofensiva contra os ricos do país. Em reunião do PCC, na quarta-feira 18, a ditadura apresentou as diretrizes do programa “Prosperidade Comum”. A iniciativa inclui regulação de fortunas e redistribuição de renda. Conforme o regime, a medida objetiva erradicar a pobreza.

“Queremos encorajar grupos e empresas de alta renda a dar uma retribuição maior à sociedade”, informou relatório do encontro, publicado pela agência estatal Xinhua, ligada ao PCC. Economistas ouvidos pelo jornal Wall Street Journal deram conta de que Xi Jinping deve pôr em vigor a taxação de riquezas, além de um imposto sobre propriedades.

A nova prioridade política é um fator nas recentes repressões do PCC contra poderosas empresas de tecnologia e outros negócios cujo crescimento e influência no mercado são vistos como contribuintes para as divisões sociais.

-Publicidade-

Leia também: “O jogo do gigante”, reportagem publicada na Edição 58 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro