-Publicidade-

Indefinição: 9 eleitos estão ‘sub judice’ no RJ

Um dos casos é o do filho do ex-governador do Rio Antony Garotinho em Campos dos Goytacazes

Um dos casos é o filho do ex-governador do Rio Antony Garotinho, em Campos dos Goytacazes

Wladimir Garotinho
Wladimir Garotinho, candidato sub judice em Campos dos Goytacazes
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Ganharam mas ainda não levaram. Assim está a situação de nove candidatos no Rio de Janeiro. Eles não foram declarados eleitos porque suas candidaturas estão sub judice, aguardando decisão da Justiça Eleitoral.

Esses municípios terão de esperar decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para conhecer os novos prefeitos.

Leia mais: “O que as eleições de 2020 têm a dizer sobre 2022?”

Campos dos Goytacazes

O filho do ex-governador do Rio Antony Garotinho — Wladimir Garotinho (PSD) — foi o mais votado no segundo turno das eleições em Campos dos Goytacazes, no norte fluminense. Ele teve 52,4% dos votos válidos.

A eleição está sub judice porque seu vice, Frederico Paes (MDB), não teria observado o prazo para se desincompatibilizar da direção de um hospital.

Petrópolis

O candidato do PSB Rubens Bomtempo obteve 55,18% dos votos em Petrópolis no segundo turno, mas o TRE-RJ indeferiu o registro da candidatura após condenação do pessebista por improbidade administrativa.

Primeiro turno

No primeiro turno, sete candidatos a prefeito no Estado do Rio venceram o pleito mas aguardam julgamento do recurso pelo TSE:

  • Washington Reis (MDB), em Duque de Caxias
  • Christiane Cordeiro (PP), em Carapebus
  • Renato Cozzolino (PP), em Magé
  • Dayse Onofre (PL), em Paraíba do Sul
  • Jaime Figueiredo (Pros), em Silva Jardim
  • Dr. Silvestre (PP), em Varre-Sai
  • Neto (DEM), em Volta Redonda
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. Está aí bem definido e em cores, o perfil dos eleitores desses crápulas. Só gente de alto nível. Alto nível em tudo o que possa alguém imaginar. Enfim, vida que segue.

  2. Muito pouco se exige de cidadãos que se candidatam. A maioria não tem condições intelectuais nem probidades civis, além de jovens demais.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês