Austrália tem protesto contra lockdown e vacinação obrigatória

Cidades adotaram medidas restritivas após aumento de casos causados pela variante delta
-Publicidade-
Protesto na Austrália | Foto: Reprodução/9News
Protesto na Austrália | Foto: Reprodução/9News

Neste sábado, 25, a cidade de Melbourne, uma das maiores da Austrália, voltou a registrar um protesto contrário a medidas de lockdown e vacinação obrigatória contra a covid-19. A polícia prendeu manifestantes alegando desrespeito a normas sanitárias.

Diante do aumento de infectados pela variante delta, as autoridades ordenaram uma interdição de duas semanas de canteiros de obras e tornaram a vacinação obrigatória para operários de construção, o que gerou forte reação. Os manifestantes também protestaram conta a cobertura da mídia sobre a pandemia.

Leia mais: “Merkel participa de último comício antes das eleições na Alemanha”

-Publicidade-

Melbourne está confinada desde o fim de julho e Sydney, outra importante cidade do país, desde junho. Segundo a agência Reuters, as autoridades pretendem suavizar as regras de lockdown assim que 70% dos adultos estiverem totalmente vacinados, o que é esperado para o mês que vem.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.