-Publicidade-

Bolsonaro ironiza Flávio Dino sobre ‘pacto pelo emprego’

Presidente disse que o Estado continua fechado e quer pacto pelo emprego
Presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Marcos Corrêa/PR
Presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Marcos Corrêa/PR

Presidente disse que o Estado continua fechado e quer pacto pelo emprego

Jair Bolsonaro
Presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar a decisão de governadores que adotaram medidas de fechamento do comércio devido à pandemia.

Falando a apoiadores nesta terça-feira, 28, Bolsonaro ironizou: “Governador agora quer que eu faça um pacto pelo emprego, mas ele continua com o Estado fechado”.

Sem citar nominalmente, o presidente fez referência ao governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). Na segunda-feira, 27, Dino enviou um ofício ao Palácio do Planalto pedindo para que Bolsonaro lidere um pacto em defesa do emprego no país.

Ofício

No documento, obtido pelo agência Reuters, o governador sugeriu uma reunião liderada por Bolsonaro com os governadores e os presidentes das confederações empresariais e centrais sindicais.

Segundo ele, a medida seria importante para a construção de um ‘Pacto Nacional pelo Emprego’, com medidas emergenciais de geração de emprego e renda.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

6 comentários

  1. Tudo arquitetado. Semana que vem, mancheis FSP e ESTADÃO: “ bolsonaro é responsável pelo desemprego no Brasil por rejeitar pacto “

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.