Com salário de R$ 33 mil, Marcos do Val reclama de pagamento

Parlamentar ganha, pelo menos, 15 vezes mais do que a média dos trabalhadores brasileiros
-Publicidade-
Em seu desabafo, Do Val exibiu um extrato que mostra pouco mais de mil reais usados no cheque especial
Em seu desabafo, Do Val exibiu um extrato que mostra pouco mais de mil reais usados no cheque especial | Foto: Pedro França/Agência Senado

O senador Marcos do Val (Podemos-ES) usou as redes sociais neste sábado, 26, para reclamar do salário de R$ 33,7 mil por mês que recebe no poder Legislativo.

“Para os que pensam que tenho regalias e salários milionários, segue o extrato da minha conta”, escreveu o parlamentar no Twitter. “Na minha carreira anterior, eu recebia a cada 2 dias o que recebo hoje por mês como Senador. E ainda tendo que ouvir ataques, ofensas e ingratidão. Jamais vou me corromper.”

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o salário médio do trabalhador brasileiro é de R$ 2,5 mil/mês. Além disso, o salário mínimo no país é de R$ 1,2 mil/mês.

-Publicidade-

Desse modo, o parlamentar ganha, pelo menos, 15 vezes mais do que a média dos trabalhadores, e quase 30 vezes mais do que aqueles que recebem um salário mínimo.

Em seu desabafo, Do Val exibiu um extrato que mostra pouco mais de mil reais usados no cheque especial, além de pagamentos agendados até 9 de dezembro no valor de quase R$ 30 mil.

Nesta semana, a Câmara dos Deputados e o Senado Federal pediram oficialmente para aumentar os salários dos parlamentares a partir de 2023. Caso seja aprovado, o reajuste seria de cerca de R$ 3 mil. Assim, os salários passariam para R$ 36,8 mil.

Leia também: “A democracia em colapso”, artigo de J. R. Guzzo para a Edição 140 da Revista Oeste.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

20 comentários Ver comentários

  1. Esse elemento foi mais um que decidiu “surfar” na onda Conservadora criada com coragem e destemor desinteressado pelo Presidente Bolsonaro. Ninguém pediu a ele coisa alguma. Ademais, ele não contribuiu com coisa alguma – no decorrer dessa primeira metade do Mandato dele – em prol da sociedade brasileira. Se ele se acha – de fato – um homem honesto, digno de confiança e possui algo útil a oferecer ao povo, como Senador (coisa que ele ainda não provou) , já que se sente alvo de ingratidão (sem ter explicado qual e da parte de quem), esteja à vontade para renunciar ao Mandato e caia fora. O que o povo precisa – neste momento crucia -, principalmente no Senado Federal, é cidadãos patriotas, engajados na luta para salvar o país do abismo comunista, imposto ao povo por nove inquilinos indignos que vêm destruindo nossa Suprema Corte, SEM QUE OS SENADORES EXERÇAM SUA FUNÇÃO OBRIGAÇÃO CONSTITUCIONAL DE FAZÊ-LOS RESPEITAR NOSSA CARTA MAGNA, OU DESTITUÍ-LOS DO CARGO. ATÉ A PRESENTE DATA ESSE “senador” QUE REIVINDICA MELHOR SALÁRIO, SEQUER, MOSTROU MERECER CADA CENTAVO QUE LHE É PAGO + AS REGALIAS QUE (MENTINDO) NEGA RECEBER. Se quiser renunciar, A PORTA DE SAÍDA É A MELHOR SERVENTIA PARA GENTE DA ESPECIE.

  2. Se esse senador acha pouco o salário dele, imagina os demais brasileiros que ganham em média R$. 2.500 por mês e aqueles que nem trabalho tem? Ele precisa ajustar as despesas dele ao que ganha.

  3. Agora fiquei curioso para saber qual era a atividade desse sujeito, antes de ser senador. Será que ele não sabia disso? Então passe seu mandato para o seu suplente e volte imediatamente para suas antigas atividades, imbecil!
    Uma consulta rápida ao Google, pelo que entendi, parece que o sujeito era (ou ainda é) policial especializado em segurança pública. No Espírito Santo um policial ganha mais de 15 vêzes o salário de um senador? Fiquem de olho no próximo concurso para essa profissão naquele estado, pessoal! Ou então é dado a receber propinas da bandidagem. Das duas, uma.

  4. Ele nunca foi apoiador do Bolsonaro! Pelo contrário, surfou na onda da segurança pública…mais quase sempre votou contra o governo.

  5. UM SUJEITO TROCAR UMA RECEITA SÓLIDA DE R$495.000 POR MÊS (R$33.000 a cada 2 dias segundo o próprio) POR UM SALÁRIO DE R$33.000 POR MÊS??? ME ENGANA QUE EU GOSTO!
    NA REMOTA POSSIBILIDADE DESSA DECLARAÇÃO DO “NOBRE” SENADOR SER VERDADE, SÓ HÁ DUAS HIPÓTESES POSSÍVEIS, OU O SUJEITO É UM IDIOTA OU UM CORRUPTO. PORTANTO, SEJA IDIOTA OU CORRUPTO, NÃO DEVERIA ESTAR OCUPANDO UM CARGO DE SENADOR DA REPÚBLICA.

  6. Mas não tem jeito mesmo, nós, digo o povo, precisamos nos debruçar nesta questão de ver qual a verdadeira atividade de um parlamentar na vida pública: ver o que é público ou que é privado

  7. Foi extremamente infeliz e mesquinho. Um desequilibrado desses, teria dificuldade mesmo que ganhasse cem mil por mês. Não tem controle, não sabe ferir o próprio orçamento e quer ser representante do povo. Renuncie e vá para seus negócios rentáveis, porque esse seu salário até poderia ser pouco, se trabalhassem de verdade. É só mais um jaboti em cima do poste. Alguém o colocou lá e deve tirá-lo de lá.

  8. O caro Senador deve ter ingressado na Ordem Franciscana, calçou a sandália da humildade, ele ganhava em 2 dias na iniciativa privado o que ganha hoje como Senador da Republica e com direito a receber: ataques, ofensas e ingratidão desses eleitores raivosos. São Francisco de Assis poderá em breve perder o titulo do pai dos pobres.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.