Cristiane Brasil se apresenta à polícia

Ex-deputada federal é alvo de operação deflagrada pela Polícia Civil do RJ
-Publicidade-
Cristiane Brasil a caminho da sede da Secretária da Polícia Civil do RJ | Foto: REPRODUÇÃO/TWITTER
Cristiane Brasil a caminho da sede da Secretária da Polícia Civil do RJ | Foto: REPRODUÇÃO/TWITTER | cristiane brasil - prisão

Ex-deputada federal é alvo de operação deflagrada pela Polícia Civil do Rio de Janeiro

cristiane brasil - prisão
Cristiane Brasil a caminho da sede da Secretaria da Polícia Civil do RJ | Foto: REPRODUÇÃO/TWITTER
-Publicidade-

A ex-deputada federal Cristiane Brasil está detida no Rio de Janeiro. Filha do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, e pré-candidata do partido à prefeitura da capital fluminense, ela foi alvo de mandado de prisão no âmbito da Operação Catarata, que teve a segunda fase deflagrada pela Polícia Civil do Rio e pelo Ministério Público na manhã de hoje. A ex-parlamentar se apresentou às autoridades nesta tarde.

Leia mais: “Revista revela a relação entre Toffoli e empreiteiras”

De acordo com o site da rádio BandNews FM, Cristiane Brasil compareceu à sede da Secretaria de Polícia Civil, no Centro carioca. Antes de ela se entregar, a operação já tinha detido o secretário estadual de Saúde do Rio de Janeiro, Pedro Fernandes. A dupla é acusada de desviar contratos de assistência social na esfera da prefeitura do Rio de Janeiro e do governo estadual fluminense.

A caminho da sede da Polícia Civil, a ex-deputada divulgou quatro vídeos por meio de seu perfil no Twitter. Entre outros pontos, ela classifica o mandado de prisão de algo “absurdo”. Nesse sentido, acusou o Poder Judiciário de tentar interferir no processo eleitoral carioca. “Justo no momento em que a minha candidatura se fortalece”, lamentou. “Estou de consciência tranquila”, complementou.

https://twitter.com/crisbrasilreal/status/1304498504526704640

Endividada

De acordo com a própria Cristiane Brasil, as acusações que pesam sobre ela não fazem sentido. Isso porque, argumenta, ela é uma pessoa endividada, que deve até no cartão de crédito. “Não tenho nem carro, ando de Uber e de metrô”, disse. Por fim, ela acusou o governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), de estar por trás de sua prisão.

https://twitter.com/crisbrasilreal/status/1304498651683848192

https://twitter.com/crisbrasilreal/status/1304498797427519489

https://twitter.com/crisbrasilreal/status/1304505296614830081

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site