EBC: confira as benesses da ‘TV do Lula’

Empresa tem altos salários, milhares de funcionários e péssimo desempenho de audiência
-Publicidade-
Até o momento não se sabe quando a companhia pública vai deixar de existir ou ser vendida à iniciativa privada
Até o momento não se sabe quando a companhia pública vai deixar de existir ou ser vendida à iniciativa privada | Foto: Divulgação/EBC

Fundada em dezembro de 2007 durante o governo Lula, a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) era para ser a “BBC latino-americana”. Contudo, a estatal é deficitária e tem resultados pífios de audiência. Em contrapartida, possui uma penca de funcionários recebendo salários altíssimos e benefícios incompatíveis com os da iniciativa privativa. Além disso, até o momento não se sabe quando a companhia pública vai deixar de existir ou ser vendida à iniciativa privada.

Veja algumas benesses dos servidores da EBC

-Publicidade-
RH da estatal
Nº de Empregados Contratados 1.877
Média de Idade 46 anos
Média de Tempo de Serviço 13 anos
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

5 comentários

  1. Faz-se necessário o presidente se pronunciar sobre esta estatal, mesmo porque ele já tinha prometido vendê-la e até o momento nem uma palavra, pelo que sei.

  2. Que absurdo!!! 1.877 funcionários para fazer uma rádio funcionar?????
    Mais de 30 milhões para sustentar esta maquina???? Tem que privatizar mesmo.

  3. Nunca assisti a programa algum da TV Lula, e, para dizer a verdade, nem sabia que essa m**** existia. Privatizar? Quem vai querer? Feche logo essa porcaria!

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site