General Santos Cruz se filia ao Podemos

Cerimônia contou com a presença do ex-ministro e ex-juiz Sergio Moro, que ingressou no mesmo partido há duas semanas
-Publicidade-
General Santos Cruz se filia ao Podemos | Foto: Divulgação
General Santos Cruz se filia ao Podemos | Foto: Divulgação

O general da reserva Carlos Alberto dos Santos Cruz se filiou nesta quinta-feira, 25, ao Podemos. Ele foi ministro da Secretaria de Governo do presidente Jair Bolsonaro de janeiro a junho de 2019.

O ato de filiação ocorreu em um hotel em Brasília e contou com a presença do ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro, que ingressou no mesmo partido há duas semanas.

-Publicidade-

Ao discursar, Santos Cruz disse que o Brasil não pode continuar procurando e acreditando em um “salvador da pátria” e defendeu que o próximo presidente seja um “liberal na economia, mas apaixonado pelas causas sociais”.

Ele fez críticas à reeleição e aos privilégios da política e afirmou que o ingresso dele na vida partidária ajuda no apoio “mais direto” a Sergio Moro, que deve concorrer ao Palácio do Planalto.

“A política não pode ser criminalizada. A política é a única maneira, é a única ferramenta, é a única forma que nós temos para mudar a realidade e para mudar aquilo que se acha problemático na sociedade”, disse o militar.

Questionado por jornalistas, ele não respondeu a qual cargo pretende disputar no ano que vem. A expectativa do partido é que ele concorra ao Senado, por algum Estado.

O Podemos também está prestes a anunciar a filiação do ex-procurador Deltan Dallagnol, que foi o coordenador da força-tarefa da Lava Jato. A cerimônia deve ser em 11 de dezembro.

O Podemos é um partido que se anuncia como independente em relação ao governo Bolsonaro. A legenda tem nove senadores e dez deputados federais e é presidida pela deputada Renata Abreu.

Em 2018, o partido lançou o senador Alvaro Dias candidato à Presidência da República. Ele obteve menos de 1% do total de votos.

Santos Cruz

General da reserva, Carlos Alberto dos Santos Cruz atuou como comandante das forças de paz da ONU no Haiti entre os anos de 2007 e 2009.

Em 2013, foi escolhido pela Força de Paz da ONU para suceder o tenente-general indiano Chander Prakash Wadhwa no comando da Missão de Estabilização das Nações Unidas na República Democrática do Congo.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

18 comentários Ver comentários

  1. Os traíras se atraem. É bom que fiquem todos juntos pois assim os brasileiros saberão quem é quem. Usar a Lava Jato como trampolim para se elegerem pode surtir um efeito contrário já que agora a sociedade ficou conhecendo as intenções dos falsos heróis.
    #BolsonaroTemRazao

  2. O maior traidor da história do Brasil é o pilantra que se elegeu prometendo combater a corrupção, não ceder à pressão dos cobras-criadas do Centrão, indicar para o STF juristas conservadores. O que fez foi desmontar a lava-jato, fazer acordos com a quadrilha do Gilmar Mendes, entregar o governo ao Centrão, indicar nulidades como KKKássio, tudo para livrar da cadeia os filhos imprestáveis e se reeleger.

    1. Calma “flor”, se candidate e enfrente a onça, em vez de ficar sentado com seu bumbum no sofá, sem apresentar soluções ou sugestões de governança pôrra!.
      Já foi às ruas algumas vezes? Estamos nela desde 2.013, exatamente porque estamos combatendo gente que nem redes de água e esgoto querem para o seu País.
      Vá de retro satanás!!! Estamos avançando e até conseguindo que os fisiologistas e traidores se agrupem nas mesmas organizações criminosas.

    2. Mas quais são oa crimes dos filhos do presidente? Que eu saiba quem passou de catador de bosta de elefante a um grande empresário é o filho do nove dedos seu babaca estúpido!

  3. Podemos e PSDB já podem se fundir, juntaram a trairagem toda. Tinha o Alvaro Dias em alta conta, mas não passa de um mesquinho de pensamento pequeno. Não se faz um partido sério com traíras. A traição é o pior dos defeitos, ninguém confia em traiçoeiros vulgares.

  4. Dois Traíras que se merecem. Um vale muito pouco, o outro vale menos ainda.
    A realidade por trás do MorNo e da Lava-Jato ainda está por ser conhecida… Quem viver, verá.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.