Governo federal reconhece estado de calamidade pública no Amapá

Medida viabiliza suspensão da conta de energia anunciada por Bolsonaro
-Publicidade-
Foto: Divulgação/Agência Brasil
Foto: Divulgação/Agência Brasil | Foto: Divulgação/Agência Brasil

Medida viabiliza suspensão da conta de energia anunciada por Bolsonaro

amapá
Foto: Divulgação/Agência Brasil
-Publicidade-

Em edição extra do Diário Oficial da União publicada neste sábado, 21, o governo federal reconheceu o estado de Calamidade Pública no Amapá. A portaria foi assinada pelo secretário nacional de Proteção e Defesa Civil, Alexandre Lucas Alves, em função da crise de abastecimento de eletricidade enfrentada na região. O ato viabiliza a criação da Medida Provisória anunciada pelo presidente Bolsonaro para suspender a cobrança da conta de energia elétrica por 30 dias aos consumidores afetados.

Desde 3 de novembro, a população amapaense passa por problemas no abastecimento de energia elétrica. A maior parte do Estado ficou no escuro até o dia 6 deste mês, data em que o fornecimento de luz começou a funcionar em sistema de rodízio.

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site