Justiça derruba decisão de Paes e amplia horário de funcionamento de bares

Estabelecimentos poderão ficar abertos das 6h às 20h
-Publicidade-
Paes havia determinado que bares e restaurantes deveriam fechar às 17 horas
Paes havia determinado que bares e restaurantes deveriam fechar às 17 horas | Foto: Adriano Ishibashi/FramePhoto/Estadão Conteúdo

Em decisão liminar, a Justiça do Rio de Janeiro determinou nesta sexta-feira, 5, que bares e restaurantes do Rio podem fechar às 20 horas, e não mais às 17 horas, como havia decretado o prefeito Eduardo Paes. O pedido foi feito pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes Seccional do Rio (Abrasel-RJ), que argumenta que o decreto “afronta os princípios da proporcionalidade e razoabilidade, afetando a subsistência de seus associados e, por consequência, relevante setor da economia da cidade do Rio de Janeiro”. A Abrasel questiona também o “tratamento diferenciado aos demais setores de atividades econômicas com atendimento ao público, de que são exemplos os shopping centers, academias de ginástica e salões de beleza, autorizados a funcionar das 6 horas às 20 horas” — enquanto os bares e restaurantes foram autorizados a abrir entre 6 horas e 17 horas. O pedido feito pela associação era para funcionar das 6 horas às 22 horas, mas a juíza Roseli Nalin, titular da 15ª Vara de Fazenda Pública, optou por equiparar bares e restaurantes a outros comércios, autorizados a atender entre 6 horas e 20 horas.

Leia também: “Prefeito do Rio de Janeiro impõe toque de recolher”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.