Kalil deixa prefeitura de Belo Horizonte para tentar governo de MG

Representante do PSD deixa cargo na capital mineira já acirrando rivalidade com o atual governador, Romeu Zema
-Publicidade-
Kalil permaneceu por cinco anos como prefeito da capital mineira
Kalil permaneceu por cinco anos como prefeito da capital mineira | Foto: Amira Hissa/Prefeitura de Belo Horizonte

Alexandre Kalil (PSD) anunciou nesta sexta-feira, 25, a renúncia como prefeito de Belo Horizonte para concorrer neste ano ao governo de Minas Gerais. O político comunicou a saída em discurso na sede da Prefeitura e depois confirmou a decisão em pronunciamento nas redes sociais.

O anúncio acontece no dia do aniversário de 63 anos do agora ex-prefeito. Para efetivar a renúncia, no entanto, Kalil deve enviar uma carta à Câmara dos Vereadores de Belo Horizonte. O vice, Fuad Noman (PSD), vai assumir a administração da capital mineira até o final do mandato, em 31 de dezembro de 2024.

A renúncia de Kalil acontece oito dias antes do prazo-limite estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Pela legislação, políticos com mandato em andamento têm até o dia 2 de abril para abrir mão dos cargos e poder se candidatar nas eleições deste ano.

-Publicidade-

“Sou pré-candidato ao governo de Minas Gerais”, disse Kalil, nas redes sociais. “Então quero dizer ao povo de Belo Horizonte: muito obrigado, gente. Foi bacana ‘pra burro’ ser prefeito dessa cidade por cinco anos e 84 dias”, acrescentou.

Ex-presidente do Atlético-MG entre 2008 e 2014, Kalil foi eleito prefeito de Belo Horizonte em 2016, na época ainda como filiado ao PHS, hoje Podemos. Quatro anos mais tarde, foi reeleito em primeiro turno, com quase 65% dos votos, já representando o PSD.

A expectativa é que Alexandre Kalil protagonize embate nas urnas com o atual governador, Romeu Zema (Novo), com quem vem trocando farpas políticas já há algum tempo.

No pronunciamento de despedida como prefeito, Kalil já direcionou ofensiva contra Zema, especificamente em crítica à relação política do governador mineiro com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL).

“Nós somos, por essência, gente humilde, mas não lambe-botas. Presidente da República não me manda tirar máscara. Presidente da República tem que trazer investimento para este Estado. Este governo flácido que abandonou as estradas, que abandonou a saúde, que abandonou tudo. Isso acabou”, comentou Kalil, em vídeo no Instagram.

Na última quarta-feira, o ex-presidente Lula (PT) afirmou em entrevista à rádio Super 91,7 FM que espera contar com o alinhamento do ex-prefeito de Belo Horizonte para “uma chapa muito forte em Minas Gerais”.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

15 comentários Ver comentários

  1. Ti a merda, Kalil! Só um acéfalo para acreditar no personagem que vc tenta vender. Mas, eu me lembro dos seus ensaios para tiranete durante a pandemia; lembro da sua postura infeliz quando belo horizontinos morriam ou ficavam desabrigados pelas chuvas; lembro das suas bravatas demagogas em todos os assuntos que tratavam do transporte publico da Capital … Se não bastasse tudo isso, ainda tem o fato de você estar flertando com um certo ladrão de nove dedos…

  2. O TAMANHO DO DESCARAMENTO, NÃO TEM LIMITES, ELE ACHA QUE O POVO ESQUECEU DAS ATROCIDADES COMETIDA POR ELE NA PANDEMIA.

    TA NA HORA DE DAR O TROCO…..QUE NÃO CONSIGA.

  3. Kalil bufão. Zema está sendo a grande estrela entre os governadores do Brasil. Zema representa a figura do mineiro. Grande governo.

  4. Que os mineiros tenham bom senso e mantenham Zema por mais um mandato. Zema é honesto, competente e tem postura. Depois dos bandidos com Aécio e Pimentel, Zema mostrou que não precisa roubar para governar.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.