Mandetta afirma que governo não levou adiante testagem em massa

'Depois eu soube que essa estratégia não foi utilizada. Essa era, de maneira muito clara, a nossa estratégia', disse o ex-ministro da Saúde
-Publicidade-
O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta presta depoimento na CPI da Covid no Senado
O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta presta depoimento na CPI da Covid no Senado | Foto: Reprodução/YouTube

Em seu depoimento na CPI da Covid nesta terça-feira, 4, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta afirmou que o governo federal não levou adiante a estratégia de testagem em massa para identificação dos casos de covid-19.

“Em março, nós iniciamos todo o processo de aquisição da testagem, 24 milhões de testes. Não adianta só comprar o teste, tem que processar de maneira automatizada”, explicou Mandetta. “Mas isso só foi assinado já pelo ministro subsequente, o ministro [Nelson] Teich. E depois eu soube que essa estratégia não foi utilizada. Essa era, de maneira muito clara, a nossa estratégia”, afirmou o ex-ministro.

“Nós vimos pararem muita coisa e não colocarem outra em seu lugar. A testagem é uma delas”, finalizou Mandetta.

-Publicidade-

Leia também: “‘CPI não será do governo nem da oposição’, afirma Renan Calheiros”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro