Ministério da Saúde mantém intervalo de 12 semanas entre doses da AstraZeneca

Atualmente, seis Estados estão com falta de imunizantes para a segunda dose
-Publicidade-
As vacinas da AstraZeneca voltaram a ser distribuídas pela Fiocruz
As vacinas da AstraZeneca voltaram a ser distribuídas pela Fiocruz | Foto: Ingrid Vasconcelos/Governo de Minas Gerais

O Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira, 15, que vai manter a recomendação de intervalo de 12 semanas para a aplicação da segunda dose da vacina contra a covid-19 da farmacêutica AstraZeneca.

Em 25 de agosto, o governo federal anunciou que o intervalo entre as doses dos imunizantes da Pfizer e da própria AstraZeneca seria reduzido a partir de setembro, passando de 12 semanas para oito semanas.

Na mesma ocasião, o Ministério da Saúde disse que a dose de reforço começaria a ser aplicada a partir de setembro em idosos com mais de 70 anos e imunossuprimidos. Essa determinação permanece válida.

-Publicidade-

Leia mais: “São Paulo obriga assinatura de termo para quem tomar Pfizer no lugar de AstraZeneca”

A volta da distribuição de vacinas

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) anunciou ontem, terça-feira 14, a volta da distribuição de vacinas da AstraZeneca, totalizando 1,7 milhão de doses.

Conforme noticiou Oeste, a instituição interrompeu o envio dos imunizantes durante duas semanas. Com a nova remessa, a Fiocruz totaliza 93,6 milhões de doses de vacinas entregues ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) desde o início da produção.

Atualmente, seis Estados estão com falta de imunizante para a segunda dose.

Leia também: “Os impasses da vacinação no Brasil”, reportagem de Paula Leal publicada na Edição 72 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.