-Publicidade-

Ministério Público pede ao TCU troca de Bolsonaro por Mourão na gestão da pandemia

Subprocurador-geral Lucas Furtado quer o afastamento do presidente da República de suas funções
O presidente Jair Bolsonaro pode ser afastado de suas funções administrativas
O presidente Jair Bolsonaro pode ser afastado de suas funções administrativas | Foto: Alan Santos/PR

O subprocurador-geral do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União, Lucas Furtado, pediu nesta sexta-feira, 19, ao TCU que afaste o presidente Jair Bolsonaro das funções administrativas e hierárquicas sobre os ministérios da Saúde, da Economia e da Casa Civil. Não há prazo para que o pedido seja analisado. Em casos assim, é designado um relator, que pode tomar decisão sozinho ou submeter o pedido ao plenário do tribunal. Furtado também quer que o TCU reconheça “a legitimidade, a competência administrativa e a autoridade” do vice-presidente Hamilton Mourão para nomear as autoridades responsáveis pelos ministérios. As informações são do G1.

Leia também: “STF está ‘mudando a Constituição’, alerta Ives Gandra”

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

21 comentários

  1. Eita republiqueta de m…., qualquer idiota agora se acha capaz de passar por cima de 57 milhões de votos, é nisso que dá um barnabé com salário alto e rigorosamente em dia, sem ter o que fazer fica procurando chifre em cabeça de égua, vai catar coquinho zé mané…..

  2. E vocês achando que o unico palhaço eleito era o Tiririca…Além de elegerem um palhaço transformaram o país num enorme picadeiro…Qualquer republiqueta dos confins do mundo,ficaria envergonhada com um ministério publico igual ao do Brasil…E ainda fazem piada com a marinha da Bolivia…

  3. Esses ministérios públicos, assim mesmo no plural, junto aos tribunais de contas, federal, estadual e onde tiver, são uns ineptos, não fazem o que está na obrigação deles: corrigir desvios nas conta públicas. Onde estão eles em relação à corrupção nos recursos da covid. São critautras do pântano.

  4. Onde se lê, Ministério Público junto ao TCU, MP/TCU, Procuradoria do TCU e assemelhados, na imprensa em geral, nos anos de 2019, 2020 e 2021, leia-se: “Lucas Furtado”. É lamentável que a Revista Oeste caia nessa vala comum de atribuir a todo um órgão ministerial, que atua junto ao Tribunal de Contas da União, ao claro ativismo de oposição governamental de um único representante seu. O título correto da matéria deveria ser: “Mais uma vez, Lucas Furtado, subprocurador do TCU, entra com nova representação contra o Governo Bolsonaro”

  5. São tantas sandices desse pessoal malévolo que tenta a todo tempo fustigar o Presidente, que fico pensando se isso não é somente para fornecer material de notícia (leia-se lixo) a essa mídia enfadonha e esperneante. Deveriam criar vergonha na cara! Deveriam perguntar aos 55 milhões de cidadãos brasileiros (esses mesmos cidadãos que produzem riquezas e salários para todos, por meio dos impostos) se eles estão de acordo com essas bizarrices.

  6. Convém ler direito e ver que não é o MP, mas sim um imbecil subprocurador-geral do Ministério Público, Lucas Furtado, que faz essa imbecil solicitação. Como dito acima: Vai trabalhar, vagabundo.

  7. SERÁ QUE ESSE SUB PROCURADOR PRESTOU CONCURSO DE PROVAS E TÍTULOS PARA OBTER O CARGO??????? SERÁ QUE ELE SABE QUE O TCU É UM ÓRGÃO AUXILIAR DO PODER LEGISLATIVO?????? TCU NÃO INTEGRA O PODER JUDICIÁRIO, SUAS DECISÕES NÃO FAZEM COISA JULGADA!!!

  8. Por que essa ridícula figura não propõe investigação sobre as imorais e algumas ilegais indenizações milionárias a anistiados políticos que tanto oneram o bolso dos contribuintes brasileiros? Por traz delas deve ter muita rachadinha e outras movimentações atípicas que o COAF ainda não viu. Falta escrúpulo a esse e a muitos defensores públicos que omitem a corrupção de “estimação”. Seria um excelente trabalho orientado pelo MPF para ajudar a ministra Damares a revisar judicialmente grandes fraudes nessa famosa BOLSA DITADURA, que tão bem nosso jornalista Augusto Nunes conhece.

  9. Lembrei-me do Gilmar, “da seleção brasileira “.
    Lembrei-me da Kátia senadora, que queria ser vice presidente, presidente do Senado, ou da CCJ, e é tirana qdo invoca as FFAA para nos calar.
    Lembrei-me do Lula. Do Toffolu não!
    Lembrei-me de Rui Barbosa.
    Este cenário é a verdadeira epidemia!!!
    Ah, vamos ao assunto: para servir ao establisment ainda aparelho do Estado corrupto, existem TCEs, TCUs, OABs, e igrejas católicas estão no pareo.

    1. Esqueci-me do COAF, que não viu nada em 30 anis, só a rachadinha que não conta milhões!!!
      Siglas, siglas, ongs!!!.
      Haveremos de reconquistar nossa pátria, ainda que tardia.

  10. Funciona assim: na ditadura desses b0stas, o povo elege e eles se acham no direito de procurar um órgão que, sabe-se lá Deus se tem essa competência (ver o que o STJ deu limites ao TCE-PR), para afastar o eleito pelo povo. O QUE PASSA NA CABEÇA DESSES FASCISTAS DISSIMULADOS? O presidente deveria decretar estado de excessão urgente para barrar esses cosplay de Kim Jong-Un à brasileira.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.