Parlamento de Israel é dissolvido, e país terá quarta eleição em 2 anos

Nova disputa está marcada para 23 de março de 2021
-Publicidade-

Nova disputa está marcada para 23 de março de 2021

Israel, Netanyahu
O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, segue no poder | Foto: Reprodução/Flickr
-Publicidade-

Após não conseguir chegar a um acordo para a aprovação do orçamento de Israel, o Knesset — parlamento do país — foi dissolvido automaticamente na terça-feira 22. Com isso, novas eleições legislativas terão de ser organizadas em 2021, a quarta em menos de dois anos.

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, segue no comando do país de forma interina até que o novo pleito aconteça. A disputa está marcada para o dia 23 do próximo ano.

Leia também: “Israel, Emirados Árabes e Bahrein assinam acordos históricos”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site