Partidos anunciam vista coletiva para atrasar votação do voto auditável

Filipe Barros, relator do texto, posicionou-se favorável ao sistema já nas eleições de 2022
-Publicidade-
Deputado Filipe Barros lê seu parecer sobre o voto impresso auditável | Foto: Afonso Marangoni/Revista Oeste
Deputado Filipe Barros lê seu parecer sobre o voto impresso auditável | Foto: Afonso Marangoni/Revista Oeste

Durante a leitura do relatório que dá sinal verde à aprovação da PEC do voto auditável pela comissão especial da Câmara, partidos de esquerda pediram vista coletiva do texto, o que vai atrasar a votação. Deputados do Psol e do PSB já anteciparam a estratégia. A votação deve ser na quinta-feira 1º.

Ao ler seu parecer nesta segunda-feira, 28, o relator na comissão especial, Filipe Barros (PSL-PR), posicionou-se favorável ao voto auditável nas eleições de 2022, mas abriu caminho para que a implementação da mudança seja gradual. Aprovada no colegiado, a proposta seguirá para a análise do plenário e, se obtiver sinal verde da Câmara, irá para o Senado.

Leia mais: “Câmara faz enquete sobre voto impresso; 91% são favoráveis”

-Publicidade-

A proposta, de autoria da deputada Bia Kicis (PSL-DF), exige a impressão de cédulas de papel na votação e na apuração de eleições, plebiscitos e referendos no Brasil. Pelo texto, essas cédulas poderão ser conferidas pelo eleitor e deverão ser depositadas em urnas indevassáveis de forma automática e sem contato manual, para fins de auditoria.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site