Randolfe Rodrigues apresenta projeto de lei contra assédio ideológico

Parlamentar citou 'fascismo' no texto da medida
-Publicidade-
Rodrigues culpa a 'extrema direita' por 'atacar quase todos os que divergem deles'
Rodrigues culpa a 'extrema direita' por 'atacar quase todos os que divergem deles' | Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) apresentou um projeto de lei (PL) sobre “assédio ideológico”. Segundo o parlamentar, esse ato consuma-se quando alguém “assedia” outra pessoa, publicamente, de forma violenta ou humilhante, por inconformismo político, partidário ou ideológico.

“A defesa e a preservação da democracia pressupõem o zelo por um ambiente de diálogo democrático livre de violências e discriminações”, argumentou Rodrigues, no documento protocolado no domingo 27. “É preciso que se assegure o direito à pluralidade política e ao diálogo republicano.”

Caso o PL do assédio ideológico seja aprovado, a pena de detenção será de um a quatro anos, mais uma multa. O valor não foi informado.

-Publicidade-

Na justificação do PL, Rodrigues cita supostos ataques à democracia na Argentina, como o “atentado” contra a vice-presidente Cristina Kirchner, em setembro.

“Nos últimos dois anos, o estudo ‘Violência política e eleitoral no Brasil’ mapeou 523 casos de violência política envolvendo 482 vítimas, entre representantes de cargos eletivos, candidatos ou pré-candidatos e agentes políticos no Brasil”, argumentou Rodrigues.

O senador ainda relembrou casos como o assassinato da vereadora Marielle Franco (1979-2018) e a morte do guarda municipal Marcelo Arruda.

Arruda morreu durante uma troca de tiros com o policial penal Jorge Guaranho, durante a própria festa de aniversário. O tema da comemoração era o Partido dos Trabalhadores (PT).

Rodrigues também culpa a “extrema direita” por “atacar quase todos os que divergem deles”.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

29 comentários Ver comentários

  1. Só esqueceu de citar a brutal perseguição ideologica que os alunos sofrem dentro das escolas e universidades.
    Alunos são humilhadas, perseguidos e até agredidos por não serem seguidores da esquerda.
    Professores dão nota baixa e até reprovam alunos por pura ideologia.
    Mas, é claro que o Gazela quer apenas militar e saltitar.

  2. O senado tem 81 senadores e, apenas 1 no comando, outro que não sai da mídia (o gazela). Por onde andam os outros, principalmente do meu estado (SP), que não se posicionam publicamente sobre os temas atuais?

  3. Essa gazela saltitante canalha está precisando levar um corretivo. Nós o povo estamos sendo muito pacíficos, lendo e ouvindo tudo quanto é canalhice dessa raça de porcos chafurdando na lama. Tem alguns que precisam ser enviados para os quintos dos infernos.

  4. Será que esse idiota acredita no que fala? Os exemplos citados, cujos fatos que ainda são inconclusivos, não menciona nenhum ataque da esquerda. O Presidente, para eles, se auto-esfaqueou. Absurdo!

  5. vão ter muitos professores presos. Isso é uma represália contra professores de extrema-esquerda que vangloriam o assassino e homofóbico che guevara, o assassino-torturador Stalin, e Mao Tse tung (do mesmo naipe).

  6. Não foi essa criatura DPVaTosa e MUMIOsa que cuspiu no Bolsonaro , deu uma “rabissaca”, girou 324 ( ui) , andou estilo : ponta … meia ponta ..planta e calcanhar e evadiu-se frescosamente ? Não foi ainda essa criatura que enquanto senador da República , virou para uma cidadã e disse : perdeu bruxa mané ..mooorrrra.

  7. A gazela saltitante sonhando com o fascismo.

    A realidade é o liberalismo.

    Está gazela saltitante membro de organização criminosa deveria se preocupar com a possibilidade de ser um futuro presidiário.

  8. Randolfe está besta humana pode falar o que bem quiser em seus discursos desvairados que em hipótese alguma será considerado fascismo, porém para qualquer outro contrário a sua ideologia será sem dúvida fascismo .

    1. Próximo projeto do Randolfe será contra os cães. Os que latem mais agressivo serão penalizados, pois são cães da direita, os mais comportados são cães da esquerda. Por favor, já passou da hora desse ilustre senador calar a boca e fazer jus ao seu salário, pago por nós!

  9. É uma lei para perseguir a direita, pura e simplesmente. Quem mais pratica “assédio ideológico” como definido nesse PL é a turma “antifascista”, que achaca, escracha e persegue qualquer um que não seja de extrema esquerda.

    Só lembrando. Chamar mentiroso de mentiroso, vigarista de vigarista, ladrão de ladrão, bandido de bandido, quadrilheiro de quadrilheiro, corrupto de corrupto, e descondenado de descondenado, não se enquadra nesse conceito de “assédio ideológico”.

    E chamar de mané? E de imbecil da internet? Tia do Zap? Fascista?

  10. É exatamente isso que esta vaca louca faz quando na suja guerra revolucionária em curso que pretende destruir a democracia no país terceirizando vergonhosamente um monstro que chamam suprema corte hoje o grande inimigo da liberdade e da dignidade da nação … triste e dolorosa verdade.

  11. O nobre SENADOR esqueceu de citar a agressão do empresário na manifestação da prisão de LULA, da morte do bolsonarista na Bahia, da invasão da igreja em Curitiba, ETC; ETC; ETC. esquecimento ou mau caráter?

  12. Pois é! Os ESQUERDOPATAS ROUBAM, matam, mentem, corrompem, fraudam, e AINDA querem dar legalidade para o que fazem, acusando os outros? Não precisa de lei, basta o gazela SALTITANTE acionar o Xerife

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.