Reitor do ITA ganha força no governo e pode assumir o Ministério da Educação

Indicação do reitor do ITA é aconselhada por ministros a Bolsonaro. Anderson Ribeiro Correia desponta, assim, como o mais cotado para ocupar o espaço deixado por Carlos Decotelli
-Publicidade-
Anderson Ribeiro Correia, reitor do Instituto Tecnológico da Aeronáutica
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Anderson Ribeiro Correia, reitor do Instituto Tecnológico da Aeronáutica Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Indicação do reitor do ITA é aconselhada por ministros a Bolsonaro. Anderson Ribeiro Correia desponta, assim, como o mais cotado para ocupar o espaço deixado por Carlos Decotelli

Anderson Ribeiro Correia - Reitor do ITA
Anderson Ribeiro Correia, reitor do Instituto Tecnológico da Aeronáutica Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro está com muitos nomes sob análise para definir o próximo ministro da Educação. Mas um deles desponta entre os demais. Entre assessores na Presidência da República e deputados da base governista, o reitor do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), Anderson Ribeiro Correia, é o mais cotado.

-Publicidade-

A relação entre Correia e Bolsonaro é desconhecida. O reitor do ITA é visto como uma indicação de ministros e demais conselheiros militares. Diferentemente do professor Carlos Decotelli, uma indicação do almirante Flávio Rocha, titular da Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE), Correia vem sendo defendido e estudado por mais integrantes do governo.

Os integrantes mais ligados à base popular do presidente, entretanto, continuam distantes do debate. Sabem que Correia é o nome que, hoje, aparece com mais “peso”. Entretanto, não conhecem muitos detalhes das conversas, não sendo, portanto, o nome ideal defendido em grupos da direita.

A possível indicação de Correia, no entanto, não seria mal vista. “O fato de ser reitor de uma das melhores instituições de ensino do país mostra que o presidente pensa em alguém de qualidade e que também seja alguém respeitado definitivamente”, ponderou um aliado no Congresso.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários Ver comentários

  1. Se não pode ser o Weintraub, q apresentem mais um craque a essa oposição, q vem prestando excelentes trabalhos à sociedade. Antes éramos enganados p dobradinha PTelhadinhos X PSDB(comunistas travestidos de sociais democratas).
    Hj a nos ajudar a conferir se as coisas são corretas, temos a IMPRENSA ideologisada e cooptada, e as mesmas ORCRIMS acima citadas.
    SÓ PODE DAR CERTO.
    Nunca + corrermos o risco de 1 Dilma ou Mantega serem ministros.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.