-Publicidade-

RJ: Enfermeiros denunciam suborno para aplicar vacinas em ‘fura-filas’

Presidente do Conselho Regional de Enfermagem apresenta formalmente as denúncias ao governo fluminense nesta sexta-feira, 22
Rio de Janeiro
Início da vacinação no Rio de Janeiro | Foto: Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

O Conselho Regional de Enfermagem (Coren) do Rio de Janeiro vem recebendo denúncias de que enfermeiros, técnicos e auxiliares estão sendo coagidos a aplicar vacinas contra a covid-19 em pessoas que não são do grupo prioritário.

Segundo reportagem da CNN Brasil, os relatos foram realizados por representantes do conselho em 46 dos 92 municípios fluminenses, incluindo a capital.

Leia mais: “Ministério Público investiga casos de ‘fura fila'”

Em entrevista à emissora, a presidente do Coren, Lilian Behring, relatou que autoridades públicas, incluindo políticos e integrantes das equipes médicas, estão furando a fila para serem imunizados com a CoronaVac.

Eles estariam usando do cargo para coagir os profissionais da atenção básica, principalmente dos auxiliares e técnicos de enfermagem, que são os responsáveis pela aplicação das doses.

De acordo com a reportagem, alguns auxiliares relatam ter recebido propostas para vender as próprias doses e aplicar em pessoas que não estão no grupo prioritário.

Nesta sexta-feira, 22, Lilian Behring, se reúne com o secretário estadual de saúde, Carlos Alberto Chaves, para apresentar formalmente as denúncias.

Capital fluminense

A presidente do Coren já se encontrou com o secretário municipal de saúde da cidade do Rio, Daniel Soranz. De acordo com ela, o secretário garantiu que vai apurar todas as denúncias e punir quem praticou desvio de conduta.

Se ficar constatado que o profissional ou autoridade pública furou a fila, ele não receberá a segunda dose do imunizante, o que poderia comprometer a eficácia da vacina.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

8 comentários

  1. O Brasil sendo Brasil, a cultura do “jeitinho brasileiro” da falta de ética com falta de respeito, isso na cidade e no estado símbolos da malandragem, as vezes tenho profunda vergonha do nosso povo… Como tenho dito o melhor do Brasil são os brasileiros e o pior do Brasil tbm são os brasileiros…

  2. A degradação moral de uma civilização sinaliza seu final. A Civilização Ocidental, a mais desenvolvida tecnológicamente de todos os tempos, parece que está se auto-destruíndo. A ganância e a prepotência de uma elite apodrecida está nos levando a uma convulsão social que poderá exterminar grande parte de nós. É lamentável.

    1. Não estranhem se prefeitos e seus secretários de saúde aleguem que têm competência para ditar normas sobre COVID nas suas jurisdições com base na decisão do STF e consigam ser inocentados até naquela Suprema Corte.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês