STF adia julgamento sobre operações da polícia em favelas do Rio de Janeiro

Ministro Alexandre de Mores pediu vista, ou seja, mais tempo para analisar o caso
-Publicidade-
Alexandre de Moraes é ministro do Supremo Tribunal Federal
Alexandre de Moraes é ministro do Supremo Tribunal Federal | Foto: Nelson Jr./SCO/STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) adiou nesta segunda-feira, 24, o julgamento de um recurso sobre a realização de operações policiais no Rio de Janeiro durante a pandemia do coronavírus, informa o portal G1. O ministro Alexandre de Moraes pediu vista, ou seja, mais tempo para analisar o caso.

O julgamento ocorria em plenário virtual, em que os ministros depositam seus votos pela internet, e estava previsto para terminar em 28 de maio. Não há data para a retomada da análise. O recurso foi apresentado pelo Partido Social Brasileiro (PSB) e por organizações de direitos humanos.

-Publicidade-

Leia também: “Polícia prende Sandra Sapatão, chefe de facção criminosa do Jacarezinho”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comments

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site