STF concede prisão domiciliar a Oswaldo Eustáquio

Jornalista vai deixar prisão preventiva, mas está proibido de receber visitas e de conceder entrevistas sem autorização judicial
-Publicidade-
O jornalista Oswaldo Eustáquio
O jornalista Oswaldo Eustáquio | Foto: Divulgação

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes concedeu nesta terça-feira, 26, prisão domiciliar ao jornalista Oswaldo Eustáquio. O comunicador está preso desde 18 de dezembro por violar restrições impostas por Moraes. Ele é citado no inquérito que apura atos antidemocráticos.

Leia mais: “STF rejeita pedido da esquerda para afastar ministro da Saúde”

-Publicidade-

Com a nova decisão, Eustáquio deixará a detenção no Distrito Federal, onde se acidentou ao tentar consertar um problema no encanamento da cela — chegou a apresentar lesão na coluna cervical, conforme registrou Oeste. Fora da cadeia, o jornalista usará tornozeleira eletrônica e terá de obedecer a uma série de restrições. Não poderá conceder entrevistas — salvo mediante autorização judicial. Moraes também impediu que Eustáquio se pronuncie a respeito pelas redes sociais.

“Proibição de frequentar toda e qualquer rede social em nome próprio ou ainda por intermédio de sua assessoria de imprensa ou de comunicação e de qualquer outra pessoa”, afirma o ministro em trecho da decisão. No Twitter, o perfil administrado pela equipe de Oswaldo Eustáquio afirma que o caso se configura como “censura”.

Prisão contestada

A Procuradoria-Geral da República foi favorável à prisão domiciliar do jornalista. Em vez de comemorar, a equipe do comunicador usou o Twitter para novamente questionar a razão de sua prisão. “Lembrando que Eustáquio não é indiciado, condenado nem sequer acusado”, reclama a equipe que vem atualizado a conta do jornalista no Twitter.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

13 comentários

  1. Seria possível colocar um link para a decisão do Alexandre de Moraes? Seria interessante que as reportagens que tratam de decisões judiciais trouxessem o link para leitura da decisão na íntegra

  2. 15/03 próximo, somos todos Oswaldo Eustaquio.
    Após 45 dias de posse das novas presidências do congresso, daremos o tom da nova postura que se espera de quem quer que seja escolhido. Para que não hajam dúvidas, 90 milhões de brasileiros farão chegar novamente aos ouvidos daqueles que traem os nossos votos, as nossas famigeradas pautas anticorrupção até aqui boicotadas pelos congressistas:
    PEC DA BENGALA
    PEC DA PRISÃO EM SEGUNDA INSTÂNCIA
    FIM DO FORO PRIVILEGIADO
    VOTO IMPRESSO EM URNA ELETRÔNICA

  3. Enquanto isso lula e zé dirceu estão livres ,leves e soltinhos da silva, com direito até em curtir as Ilhas dos Castros? Essa não é a Justiça que queremos para o nosso país, queremos uma Justiça igual as dos países desenvolvidos para que nós e nossos familiares desfrutem, nas suas velhices , um país que possa viver e morrer em paz sem precisarmos ir refugiar nos países dos outros, como fazem muitos que hoje detém poderes nas mãos.

  4. #Bolsonaro2022 #Bolsonaro #BolsonaroAté2026 #PSOLpartidodocrime #outroParTidodocrime #ParTidoquetemdiálogocabulosocomPCC A #REDE do crime #STFtribunalDeExceção #STFtribunaldocrime #SupremoTribunalInquisitorial

  5. Se existir justiça (Eu creio que existe), viveremos pra ver os criminosos do supremo serem presos. Como pode ladrões (Lula e Dirceu) livres e jornalista preso?! EU TENHO VERGONHA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. A justiça (De verdade) chegará pra vocês.

  6. É um absurdo o que os ditadores do STF estão fazendo, simplesmente rasgam todas as leis e perseguem pessoas por motivos de vingança pessoal. Jamais existiu uma Corte tão vergonhosa, corrupta e criminosa quanto aquele antro de bandidos togados de Brasília.

  7. Basta que um ministro do STF seja impedido pelo senado para que a moderação se estabeleça e a Constituição volte a ser respeitada. Até agora estão testando os limites …

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site