Tratamento precoce: YouTube censura mais vídeos de Bolsonaro

Em maio, o canal do presidente da República na plataforma teve outros conteúdos removidos
-Publicidade-
O YouTube não informou quantos e quais vídeos foram retirados do ar
O YouTube não informou quantos e quais vídeos foram retirados do ar | Foto: Isaac Nóbrega/PR

O Youtube removeu mais vídeos do canal do presidente Jair Bolsonaro. Os conteúdos derrubados haviam sido publicados neste ano e em 2020. Neles, o chefe do Executivo defendia o uso da cloroquina e da ivermectina no tratamento contra a covid-19. Em comunicado, a plataforma informou que, depois de “análise cuidadosa”, decidiu remover o material por “violar” suas políticas, com informações médicas “incorretas”.

“Nossas regras não permitem conteúdo que afirma que hidroxicloroquina e/ou ivermectina são eficazes para tratar ou prevenir a covid-19; garante que há uma cura para a doença; ou assegura que as máscaras não funcionam para evitar a propagação do vírus”, salientou o YouTube, em nota emitida na quarta-feira 21. Conforme a empresa de mídia, sua política de privacidade está de acordo com orientações de autoridades de saúde locais e globais.

O YouTube não informou quantos e quais vídeos foram retirados do ar. “Atualizamos nossas políticas conforme as mudanças nessas orientações. Aplicamos nossas políticas de forma consistente em toda a plataforma, independentemente de quem seja o produtor de conteúdo ou de visão política”, reforçou a empresa. Em maio, a plataforma já havia deletado 12 produções de Bolsonaro, segundo noticiou a Revista Oeste.

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site