-Publicidade-

Tribunal de SC aprova afastamento do governador Carlos Moisés

Chefe do Executivo estadual responde por crime de responsabilidade pela compra de 200 respiradores no valor R$ 33 milhões, sem licitação
Carlos Moisés está afastado do cargo de governador de Santa Catarina
Carlos Moisés está afastado do cargo de governador de Santa Catarina | Foto: Divulgação/Secom SC

O Tribunal Especial de Julgamento aceitou, por 6 votos a 4, a abertura de processo de impeachment contra o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL). Com a decisão, Moisés é afastado do cargo e substituído temporariamente pela vice-governadora, Daniela Reinehr (sem partido). Pelo entendimento do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC), o presidente da Corte, desembargador Ricardo José Roesler, poderia decidir o prazo de afastamento previsto em duas leis diferentes. Roesler optou pelo mais curto, o prazo de 120 dias previsto na Lei 1079, de 1950, a “Lei do Impeachment“. Carlos Moisés deixará o cargo na terça-feira 30, quando for notificado oficialmente da decisão. Ele responde por crime de responsabilidade pela compra de 200 respiradores no valor R$ 33 milhões, sem licitação. O tribunal especial que analisa o caso é formado por cinco deputados e cinco desembargadores.

Leia também: “Governador de Santa Catarina ignora processo de impeachment

Com informações da CNN Brasil

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

  1. Roubam porque vem o frio e sabem que o cobertor representa apenas 20% da bufunfa.
    Roubam porque no Brasil são imunes.
    Os tribunais regionais se curvam ao STF. Vergonha.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.