Netflix pode não ser o melhor lugar para você

Em memorando, a empresa de streaming informou que o espectador deve decidir o que é melhor para si próprio
-Publicidade-
A Netflix diz 'tchau' para os espectadores insatisfeitos
A Netflix diz 'tchau' para os espectadores insatisfeitos | Foto: Reprodução/Pixabay

Em memorando atualizado em 12 de maio, a Netflix transmitiu uma mensagem clara para seus funcionários e espectadores: se não gostam do conteúdo oferecido, a empresa pode não ser o melhor lugar para vocês.

“Deixamos os espectadores decidirem o que é apropriado para eles, em vez de ter a Netflix censurando artistas ou vozes específicas”, informou a empresa. “Dependendo do seu papel, você pode precisar trabalhar em obras que considera prejudiciais. Se achar difícil suportar nossa amplitude de conteúdo, a Netflix pode não ser o melhor lugar para você.”

-Publicidade-

O serviço de streaming enfrenta um ano difícil, como mostra reportagem publicada no The Wall Street Journal. Suas ações caíram mais de 60% nos últimos 12 meses. Mas não é só isso. Em relatório divulgado em abril, a companhia informou ter perdido 200 mil assinantes. Foi a primeira vez, em mais de uma década, que isso ocorreu.

A Netflix esteve envolvida em uma polêmica em outubro do ano passado. Na ocasião, um grupo de funcionários protestou contra um especial de comédia do humorista Dave Chappelle, The Closer, que alguns espectadores consideraram “transfóbico”. Essa controvérsia levou o comediante a boicotar a empresa.

“Estamos tentando apoiar a liberdade criativa e de expressão artística entre os que trabalham aqui”, disse o co-CEO do serviço de streaming, Ted Sarandos. “O mundo é feito de pessoas com muitas sensibilidades, crenças e senso de humor diferentes. Às vezes, haverá coisas na Netflix de que você não gosta.”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

9 comentários Ver comentários

  1. NETFLIX tem conteúdo massante e ofensivo. QUEREM impor agenda WOKE/politicamente correta que NÃO É CORRETA DE FORMA alguma…tanto em imagem, roteiro e costumes.
    Poucas séries tem algum sentido…POUCAS MESMO.
    O resto é LIXO Gay… e querem impor de todas as formas essa mensagem abestalhada, hipócrita e nociva para uma sociedade crescer.
    Então é um Tal de Branca de Neve negra…super heróis abicharados…mulher sapatão…etc etc etc..
    NORMALIDADE nos conteúdos da NETFLIX??!!!
    ESQUECE!!
    AMAZON/PRIME é a mesma coisa…DISNEYS ENTÃO.
    CANCELEM! CANCELEM!! CANCELEM!!!

  2. Além de não gostar de séries com viés do ‘politicamente correto’ ainda ocorreu um aumento exorbitante na assinatura. Por isso, cancelei. Realmente, a Netflix não é o melhor lugar para estar.

  3. Pois é, é cheio de coisa ofensiva lá. Tantas vezes eles possuem conteúdo atacando a fé alheia, agora, meus amigos, vai mexer com a turma da lacração pra tu ver? aí o pau come? vai ofender a moça do suvaco cabeludo pra tu ver. Vai dizer que o armário que anda por aí de peruca não é uma dama delicada, aí o inferno sobe até a terra.

    eu acho é pouco, quem lacra não lucra, eventualmente o feitiço se volta contra o feitiçeiro, eles apoiam a turma do lacre e da choradeira, pois é, e quando a turminha do “ódio do bem” não gostarem de uma piada? e quando eles não gostarem de um comentário em algum filme ou série?

    eles criam o monstro e depois reclamam da destruição

  4. Se não mudarem vão perder mais ainda, só ficam querendo lacrar e esqueçem de lucrar. As pessoas querem é se divertir/relaxar quando ligam a TV e não ver um bando de imbecis lacrando.

  5. A melhor forma da Netflix recuperar seu público é disponibilizar filmes antigos do tempo que cinema era cinema e não essa frescura que é hoje.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.