Startup lança benefício-moradia no Brasil

Um dos objetivos é oferecer qualidade de vida ao trabalhador
-Publicidade-
Moradia por assinatura é uma opção para morar perto do trabalho
Moradia por assinatura é uma opção para morar perto do trabalho | Foto: Reprodução/Flickr

A Housi, plataforma de moradia por assinatura, está oferecendo uma proposta para empresas brasileiras. A ideia é que o empregador pague ao funcionário parte das despesas com locação de um apartamento localizado próximo à companhia. Dessa forma, custos como vale-transporte seriam dispensados. 

A startup oferece opções de apartamentos, flats ou quartos prontos para morar. Assim, o inquilino escolhe o lugar e o período da estada, sem a necessidade de fiadores ou assinatura de contratos imobiliários. A mensalidade inclui enxoval (cama, mesa e banho), móveis, decoração, tarifas de água, condomínio, energia e internet. Atualmente, são mais de 15 mil unidades na base da Housi, 42 parceiros na plataforma em 50 cidades pelo Brasil.

As reservas são feitas pelo aplicativo ou site , e há opções de estadas por tempos mais curtos ou pelo modelo de assinatura. Se for escolhida a assinatura, o cliente ainda poderá mudar para outro imóvel, caso queira. Se ele for para um local mais barato, será ressarcido. Em caso de um espaço mais caro, pagará a diferença.

-Publicidade-

Benefícios para morar perto do trabalho

A Housi já oferecia imóveis para agências e outras empresas. Além disso, a infraestrutura disponibilizada está preparada para o trabalho remoto. Ao ingressar no mercado de benefício corporativo, em que firmas estão cada vez mais interessadas no bem-estar de seus funcionários, mais empresários são atraídos.

Além disso, os brasileiros gastam muito tempo no transporte público para chegar ao trabalho, se comparado a outros países. De acordo com uma pesquisa realizada pela Moovit, desenvolvedora do aplicativo de mobilidade urbana mais popular do mundo, as pessoas gastam cerca de 67 minutos para realizar o trajeto no Rio de Janeiro. A média de Recife e São Paulo é de 62 minutos.

Leia mais: “Brasileiros desenvolvem tecnologia de energia eólica inédita e mais eficiente”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.