YouTube apaga canal de professor crítico do passaporte sanitário

Sem explicar quais foram as violações, plataforma justificou que Hermes Rodrigues Nery infringiu as políticas de segurança do site
-Publicidade-
O YouTube apagou o canal do professor Hermes Rodrigues Nery
O YouTube apagou o canal do professor Hermes Rodrigues Nery | Foto: Reprodução/YouTube

O YouTube apagou o canal do professor Hermes Rodrigues Nery, especialista em Bioética pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, após o docente publicar um vídeo em que critica a imposição estatal do passaporte sanitário.

Na última segunda-feira, 30, Nery participou de audiência pública organizada pela deputada federal Chris Tonietto (PSL-RJ), na qual compareceram médicos contrários a medidas de isolamento social aplicadas a pessoas que não se vacinaram contra a covid-19.

No pronunciamento, que pode ser visto no canal da Câmara dos Deputados, o professor argumenta que existem dúvidas científicas, políticas e sociais acerca da pandemia de coronavírus.

-Publicidade-

Leia mais: “‘Ditadura sanitária’, afirma Hermes Nery sobre ‘passaporte da vacina’”

Explicações

O YouTube alega que o canal do professor foi suspenso após três avisos de violação das políticas de segurança da plataforma, relacionadas a informações médicas consideradas incorretas. Contudo, não explicou quais seriam os dados considerados falaciosos.

Leia também: “O escândalo do passaporte sanitário”, artigo de Guilherme Fiuza publicado na Edição 58 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro