Azul desiste de negociação para comprar a Latam

A informação foi divulgada neste domingo pela companhia aérea
-Publicidade-
A Latam está em recuperação judicial
A Latam está em recuperação judicial | Foto: Divulgação/Latam

A Azul Linhas Aéreas desistiu de adquirir o grupo chileno de aviação Latam Airlines. De acordo com a companhia, com a desistência do negócio, a empresa vai se concentrar nas próprias operações.

A informação foi divulgada no domingo 28, em comunicado encaminhado ao mercado. A empresa comunicou ainda que vai considerar potenciais parcerias no futuro.

Em novembro, a companhia chegou a fazer uma oferta de US$ 5 bilhões em financiamento apoiada por alguns credores da Latam, que está em recuperação judicial.

-Publicidade-

No entanto, a Azul acrescentou que o valor atribuído à Latam foi mais alto do que acredita ser aceitável e citou a incerteza para a indústria da aviação criada pela pandemia de covid-19, principalmente em mercados de longa distância.

“Chegou a um nível que a gente acha que não vale. Especialmente quando se olha para o mercado internacional”, disse o presidente da Azul, John Rodgerson, em entrevista ao jornal Valor Econômico.

“Como resultado, a companhia vai continuar a se concentrar em suas vantagens competitivas e flexibilidade de frota e avaliar futuras parcerias e oportunidades de consolidação disponíveis no mercado”, apontou em comunicado.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.