Barroso afirma que corrupção quer vingança no Brasil

Manifestação ocorreu durante o voto contra a suspeição de ex-juiz Sergio Moro
-Publicidade-
O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal
O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal | Foto: Carlos Moura/TSE

Na quinta-feira 22, ao votar contra a suspeição do ex-juiz Sergio Moro nos processos que envolvem o ex-presidente Lula, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, lembrou as conquistas da operação Lava Jato e afirmou que os corruptos querem vingança.

“Na Itália, a corrupção conquistou a impunidade”, disse o ministro Barroso. “Aqui, entre nós, ela quer vingança. Quer ir atrás dos procuradores e juízes que ousaram enfrentá-la. Para que ninguém nunca mais tenha a coragem de fazê-lo. No Brasil, hoje, temos os que não querem ser punidos, o que é um sentimento humano e compreensível. Mas temos um lote muito pior, dos que não querem ficar honestos nem daqui para a frente, e que gostariam que tudo continuasse como sempre foi.”

-Publicidade-

Veja: “STF: assista ao vídeo da discussão entre Barroso e Gilmar”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site