Bolsonaro anuncia habilitação de 2,7 mil leitos de UTI em 22 Estados

Segundo o Ministério da Saúde, serão destinados mensalmente R$ 71,9 milhões aos Estados para custear os leitos
-Publicidade-
Governo confirma habilitação de 2.779 leitos de UTI para o tratamento de pacientes com covid-19
Governo confirma habilitação de 2.779 leitos de UTI para o tratamento de pacientes com covid-19 | Foto: Divulgação/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro anunciou neste sábado, 20, por meio de sua conta no Twitter, a habilitação de 2,7 mil leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atendimento exclusivo de pacientes internados com covid-19.

Segundo o Ministério da Saúde, são 2.779 leitos em 22 Estados: Rio de Janeiro, Bahia, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Sul, São Paulo, Acre, Alagoas, Amapá, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Paraná, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins. Ainda de acordo com a pasta, R$ 71,9 milhões serão repassados mensalmente aos Estados para custear os leitos.

Leia mais: “Bolsonaro cobra governadores e diz que ‘leitos de UTI não faltam’”

“Apesar de Estados e municípios terem autonomia para criar e habilitar os leitos necessários, o Ministério da Saúde, em decorrência do atual cenário de emergência, disponibiliza recursos financeiros e auxílio técnico para o enfrentamento da doença”, diz o comunicado do governo federal. Nas duas portarias publicadas pela pasta, o prazo para a instalação das UTIs não foi divulgado.

Leia também: “‘Parece que só morre de covid’, diz Bolsonaro sobre ocupação de UTIs”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.