Butantan recebe insumos para produção de 14 milhões de doses da Coronavac

Avião vindo da China trouxe 8,2 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA)
-Publicidade-
Insumos da vacina chinesa chegam a São Paulo
Insumos da vacina chinesa chegam a São Paulo | Foto: Reprodução / TV Globo

Um novo lote com 8,2 mil litros de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) chegou a São Paulo na manhã desta quinta-feira, 4, em um voo comercial oriundo de Pequim que pousou no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos (SP). A aeronave chegou por volta das 6h15.

Com os novos insumos, o Instituto Butantan estima ter condições de produzir mais 14 milhões de doses da Coronavac, vacina produzida em parceria com o laboratório chinês Sinovac e que vem sendo usada pelo governo federal no Plano Nacional de Imunização (PNI), contra a covid-19. Essas doses devem ser entregues ao Ministério da Saúde, que fará a distribuição nacional do imunizante, em até três semanas, segundo o governo de São Paulo.

-Publicidade-

Leia mais: “CoronaVac tem baixa eficácia contra cepa de Manaus”

O governador João Doria (PSDB) esteve no aeroporto para acompanhar a chegada dos insumos, ao lado do diretor do Butantan, Dimas Covas, e do secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn.

Leia também: “Butantan entrega 600 mil doses da CoronaVac ao governo federal”

O Butantan já entregou ao Ministério da Saúde 14 milhões de doses da Coronavac e, até o fim de março, esse total deve chegar a 21 milhões. Segundo o contrato firmado entre o instituto e o governo federal, até o fim de abril devem ser disponibilizadas 46 milhões de doses do imunizante. Até agosto, outras 54 milhões serão entregues, totalizando 100 milhões de doses.

Na quarta-feira 3, o Butantan entregou mais 900 mil doses ao ministério para distribuição pelo PNI.

Leia também: “A verdade sobre a CoronaVac”, reportagem de Paula Leal publicada na Edição 32 da Revista Oeste

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.