Escolas de SP voltam a funcionar sem distanciamento social

Medida anterior limitava presença de 100% dos alunos em sala de aula. Agora, todos devem voltar à rotina
-Publicidade-
As salas de aula não terão mais o distanciamento de um metro, mas alunos deverão continuar usando máscaras
As salas de aula não terão mais o distanciamento de um metro, mas alunos deverão continuar usando máscaras | Foto: Rogério Galasse/Futura Press/Estadão Conteúdo

As escolas da rede estadual de São Paulo voltaram a funcionar nesta quarta-feira, 3, sem o distanciamento social de um metro em sala de aula, como era exigido até então pelas regras de combate à covid-19 no Estado.

Com isso, a presença dos alunos é obrigatória a partir de hoje. Agora, todas as escolas voltam a funcionar sem esquema de rodízio. A exigência também vale para as unidades particulares. No caso das municipais, as prefeituras têm autonomia para decidir.

-Publicidade-

De acordo com o secretário estadual da Educação, Rossieli Soares, os estudantes só poderão deixar de frequentar as escolas mediante apresentação de justificativa médica, ou aqueles que fazem parte do grupo de exceções definidos: gestantes e puérperas, alunos com idade a partir de 12 anos com comorbidades que não completaram o ciclo vacinal e menores de 12 anos que pertencem a grupos de risco.

O calendário letivo vai até o diz 23 de dezembro em São Paulo. “Não teremos adiamento e não vamos entrar no mês de janeiro, nós encerraremos dentro da data prevista o calendário. O aluno precisa ter 75% de frequência, caso contrário, ele pode ser reprovado por falta”, disse o secretário.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. Por favor, me citem um estudo onde dizem quanto seria essa distancia segura. O vírus correu pelo Mundo todo, e nós patetas tendo que acreditar em distanciamento social, não pode aglomerar, temos que usar MASCARAS DE PANO, como prevenção. Com toda certeza sentiremos muita vergonha destes tempos que estamos vivendo, apavorados com um vírus de baixíssima letalidade.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.