Google restabelece canal do Terça Livre no YouTube

Site conservador havia sofrido revés em ação na primeira instância, revertida por desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo
-Publicidade-
O jornalista Allan dos Santos, criador e chefe do site <i>Terça Livre</i> | Foto: Divulgação
O jornalista Allan dos Santos, criador e chefe do site Terça Livre | Foto: Divulgação

Antônio Coltro, desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo, estabeleceu que o Google reative o canal do site Terça Livre no YouTube. Na decisão proferida na quarta-feira 21, o magistrado argumentou que o veículo conservador não violara as diretrizes da plataforma ao publicar um vídeo com falas do ex-presidente dos EUA Donald Trump.

O canal já está ativo. Conforme noticiou a Revista Oeste, a juíza de primeira instância Ana Carolina de Almeida, da 8ª Vara Cível da Comarca de São Paulo, censurou o Terça Livre depois de o site publicar um pronunciamento de Trump. Almeida considerou que o conteúdo das falas do republicano suscitavam violência em vez de informar o internauta.

Leia também: “Os novos senhores do mundo”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na Edição 43 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. E depois falavam mal dos militares. Do quê eles nos protegiam?
    Deste tipo de pessoas despostas de toga e outros tipos que clamavam por democracia mas que queriam mesmo era enfiar o socialismo ateu goela adentro da população.

  2. Criam situação vexatória e NADA é apresentado como prova fidedigna . Cabe agora a vítima, juntar os cacos espalhados e trabalhar para reabilitar a credibilidade que foi usurpada e lançada na lama.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site