“Mandetta” ocupa primeiro lugar dos termos mais pesquisados do Google

Nesta segunda-feira, 6, uma possível demissão do ministro agitou as redes sociais. Monitoramento feito por Oeste observou que, o termo "Mandetta" chegou ao primeiro lugar entre os mais procurados do Brasil no google, com seu pico de buscas às 16h00.
-Publicidade-

A possível demissão do ministro agitou as redes sociais

DEM quer Mandetta candidato a presidente em 2022 |
Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta | Foto: Isac Nóbrega/PR
-Publicidade-

Se depender exclusivamente das redes sociais, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, permance no cargo por muitos anos. Nesta segunda-feira, 6, uma possível demissão do ministro agitou as redes sociais.

Monitoramento feito por Oeste observou que, o termo “Mandetta” chegou ao primeiro lugar entre os mais procurados do Brasil no google, com seu pico de buscas às 16h00. Já entre as consultas relacionadas estava “Mandetta fica” que alcançou o maior número de buscas às 17h26.

No Google, o termo “Mandetta” despertou interesse em primeiro lugar no Distrito Federal, seguido pelo Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul.

Mandetta chegou a ser chamado ao Palácio do Planalto para uma conversa com Bolsonaro. Enquanto o resultado do encontro não era divulgado as redes sociais lamentavam a possível demissão.

Depois de uma reunião com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e outros ministros, ele afirmou, em coletiva de imprensa na noite desta segunda-feira, 6, que permanece no cargo. “Médico não abandona paciente. Eu não vou abandonar”, declarou.

Enquanto esta reportagem é redigida, #Mandetta encontra-se em 1° lugar, com 434 mil engajamentos. Além disso, a hashtag permanece há 4 horas nos assuntos mais comentados do Twitter Brasil.

Os internautas comemoraram:

https://twitter.com/StellaCSCruz/status/1247317452108836864

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. E o Bolsonaro ao invés de usar isso em favor do governo,o que ele faz?
    Sabota ele mesmo!
    Pode ter certeza que o DEM não vai se sabotar,e vai usar isso muito bem.

  2. Mandetta continua com as posições totalmente contrárias às do Presidente. Como quem manda é o Presidente, o Ministro da Saúde deve ser exonerado. Espero que a próxima escolha seja um médico médico e não um médico político.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site