PF apura falsificação de alvarás de soltura no Rio de Janeiro

Operação Camaleão.com visa a desarticular quadrilha especializada em fraudes de documentos públicos
-Publicidade-
Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira, 24, a operação Camaleão.com
Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira, 24, a operação Camaleão.com | Foto: Divulgação/Polícia Federal

A Polícia Federal (PF) e o Ministério Público Federal (MPF) cumprem nesta quarta-feira, 24, quatro mandados de prisão preventiva e 16 de busca e apreensão contra acusados de falsificar documentos para a liberação indevida de presos no Rio de Janeiro. A operação Camaleão.com está cumprindo mandados nos municípios fluminenses de Niterói, São Gonçalo, São João de Meriti e Rio de Janeiro, além de Belo Horizonte (MG). Segundo o Ministério Público Federal, o grupo é acusado de falsificar documentos como alvarás de soltura, certidões e decisões judiciais. Esses documentos fraudados eram apresentados ao sistema penitenciário fluminense para garantir a liberação de presos. Os alvos da ação desta quarta-feira são investigados pelos crimes de organização criminosa, falsificação de documento público, uso de documento falso e fuga de pessoa presa. Os criminosos serão conduzidos para a Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, onde prestarão depoimento.

Leia também: “Operação no Rio mira acusados de lavagem de dinheiro de miliciano”

Com informações da Agência Brasil

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site