Rio de Janeiro de portas fechadas

Novo decreto proíbe a população de ir à praia [caption id="attachment_236549" align="alignnone" width="1200"] Petrópolis, Rio de Janeiro | Foto: Jorge Brazil[/caption] O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, publicou…
-Publicidade-

Novo decreto proíbe a população de ir à praia

Petrópolis, RJ, Brasil (Foto: Jorge Brazil)
Petrópolis, Rio de Janeiro | Foto: Jorge Brazil
-Publicidade-

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, publicou nesta quinta-feira,19, outro decreto com medidas restritivas para conter a propagação do novo coronavírus.

A partir de sábado 21, estão suspensos voos nacionais de Estados com casos de infectados, inclusive a ponte aérea Rio-SP, e todos os voos internacionais.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), no entanto, ainda precisa aprovar a medida.

Além disso, nenhum ônibus de fora do Rio de Janeiro poderá entrar na capital.

Suspensos a partir de sábado 21:

  •  Circulação de transporte intermunicipal (exceto trens e barcas)
  •  Aplicativos de transportes entre a capital e outros municípios
  •  Circulação de transporte interestadual
  •  Voos de passageiros internacionais ou nacionais


Proibidos por 15 dias:

  • Funcionamento de academias de ginástica
  • Frequentar praia, lagoa, rio e piscina pública
  • Funcionamento de bares, restaurantes e lanchonetes
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.