Uma ‘baixa’ na articulação de Maia contra Arthur Lira

Ex-líder do DEM, Elmar Nascimento decide embarcar na campanha do rival de Baleia Rossi
-Publicidade-
Deputado federal Elmar Nascimento (DEM-BA)
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Deputado federal Elmar Nascimento (DEM-BA) Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Ex-líder do DEM decide embarcar na campanha do rival de Baleia Rossi

Deputado federal Elmar Nascimento (DEM-BA) I Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), perdeu um possível aliado importante no xadrez para a sua sucessão no comando da Casa. Ex-líder do DEM, o baiano Elmar Nascimento decidiu embarcar na campanha de Arthur Lira (PP-AL), o principal adversário do candidato de Maia, Baleia Rossi (MDB-SP). O motivo: até o final do ano, Nascimento negociava a própria candidatura, mas se sentiu escanteado pelo colega de partido. Nesta terça-feira, 5, ele, inclusive, viajou com Lira para um périplo pelos Estados do Norte do país em busca de votos. Uma das estratégias do grupo é obter o apoio de políticos considerados mais conservadores e avessos à possibilidade de ter de carregar o PT na chapa.

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

7 comentários Ver comentários

  1. Tudo está ficando muito claro neste PAÍS, agora conosco acompanhando “pari e passu”. Já mapeamos o STF e sabemos que não devemos ser loucos de concordar em que os escaramucem de forma “junina”, e sim numa prestação de contas definitiva com o congresso brasileiro, providência que não foi tomada, por hibernarmos o suficiente para deixarmos gente da relação criminosa da Norberto Odebrecht sair da presidência ileso.
    Quem Maia acredita que está com ele certamente é traidor da Nação, esquerdopata que já demonstrou incompetência e/ou má fé no trato da coisa pública.
    Que os congressistas alinhados com quem quer que seja, ainda que com representantes de clãs e precisam se redimir estejam cientes, e Bolsonaro nos ouça já, que o fim do foro privilegiado e a prisão em segunda instância são pautas anticorrupção INEGOCIÁVEIS.
    Em nome de “estado democrático de direito”, relegando a constituição, não mais se aturarão traições aos nossos mais caros votos.
    Respeitar a CONSTITUIÇÃO, ainda que a carta seja comunista, é dever de todos, não só de nós, POVO BRASILEIRO.

  2. Aliar-se a um partido como o PT só para quebrar o país é muito maucaratismo de um político. Os brasileiros tão guerreiros, que mesmo num momento tão difícil como esse não desistem e não merecem isso. Em 2022 o povo saberá quem são esses traidores da nação.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.