-Publicidade-

Bolsa de Valores volta a superar os 110 mil pontos

Patamar não era alcançado desde fevereiro
Indicadores para cima: A Bolsa de Valores do Brasil volta ao patamar pré-pandemia, mais de 110 mil pontos | Foto: Canva
Indicadores para cima: A Bolsa de Valores do Brasil volta ao patamar pré-pandemia, mais de 110 mil pontos | Foto: Canva | bolsa de valores - b3 - 110 mil pontos

Patamar não era alcançado desde fevereiro

bolsa de valores - b3 - 110 mil pontos
Indicadores para cima: A Bolsa de Valores do Brasil volta ao patamar pré-pandemia, mais de 110 mil pontos | Foto: Canva

O dia foi positivo para o mercado de ações do país. Principal índice da B3, a Bolsa de Valores brasileira, o Ibovespa fechou o pregão desta quarta-feira, 25, com mais de 110 mil pontos. A marca não era superada desde fevereiro, antes de o Brasil entrar em estado de calamidade pública devido à pandemia de covid-19.

Leia mais: “Mais um fundo imobiliário chega à Bolsa de Valores”

O Ibovespa encerrou o dia em exatos 110.132, conforme divulga a própria B3. O número segue a tendência de alta no segmento de capitais do país. Em relação às negociações de terça-feira, 24, a elevação foi de 0,32%. Em leve alta, ações da Vale e Petrobras foram as mais negociadas ao longo do pregão de hoje na B3.

A volta ao patamar dos 110 mil pontos diários é mais uma notícia positiva para o mercado de ações do Brasil ao decorrer dos últimos meses. A B3 tem registrado seguidos IPOs e batido recorde de investimentos estrangeiros. Assim, caminha para fechar o ano na casa dos 115 mil pontos — conforme projetou a consultoria XP no início de agosto.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês