-Publicidade-

China cobra ‘garantias’ de segurança de alimentos brasileiros

Embaixador Yang Wanming pediu controle da covid-19 desde a origem
Foto: PRACHATAI/FLICKR
Foto: PRACHATAI/FLICKR | Foto: PRACHATAI/FLICKR

Embaixador Yang Wanming pediu controle da covid-19 desde a origem

china
Partido Comunista alega que detectou o coronavírus em alimento brasileiro | Foto: PRACHATAI/FLICKR

Em reunião a portas fechadas com representantes do agronegócio brasileiro, o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, afirmou na quinta-feira 20 que a China espera “garantias desde a origem” para a segurança dos alimentos brasileiros em razão da covid-19. Na semana passada, o Partido Comunista informou que detectou o coronavírus em asas de frango congeladas que vieram do Brasil. O Ministério da Agricultura rebateu em nota o ocorrido: “Ressaltamos que não há comprovação científica de transmissão do patógeno a partir de alimentos ou embalagens de alimentos congelados”.

Conforme Wanming, seu país “aplicará aos produtos importados as medidas cabíveis de controle sanitário”. “Esperamos contar com a cooperação das exportadoras brasileiras no cumprimento das exigências sanitárias, com medidas científicas e rigorosas. Dessa forma, garantindo, desde a origem, a segurança dos alimentos exportados”, afirmou Wanming aos empresários. Segundo ele, somente assim os alimentos brasileiros preservarão a imagem de sua marca mundo afora. “E reforçarão a confiança dos consumidores chineses”, acrescentou o diplomata.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês