IBGE prevê um aumento de 2,5% na safra de grãos em 2020

Safra de grãos de 2020 deverá ser recorde; produção de grãos deve chegar a 247,4 milhões de toneladas, 2,5% maior que em 2019
-Publicidade-
Foto: jestermarco/Pixabay
Foto: jestermarco/Pixabay | Safra de grãos em 2020

Safra de grãos de 2020 deverá ser recorde; produção de grãos deve chegar a 247,4 milhões de toneladas

Safra de grãos em 2020
Foto: jestermarco/Pixabay

A estimativa da produção de cereais, leguminosas e oleaginosas para 2020 continua em um patamar recorde, sendo 2,5% superior à safra de 2019 e 0,6% superior à estimativa divulgada em maio. Essa produção foi estimada em 247,4 milhões de toneladas, que é 6 milhões de toneladas superior a 2019 e 1,5 milhões superior à estimativa de maio.

-Publicidade-

A área a ser colhida, informa o IBGE, é de 64,6 milhões de hectares. Esse valor é 2,2% maior que em 2019, mais 1,4 milhão de hectares. Em relação à estimativa do último mês, ela ficou estável.

Três produtos representam decerto 92,3% da estimativa de produção e por 87,2% da área colhida, eles são o arroz, o milho e a soja. Esses três cereais apresentaram um aumento da área plantada: 2%, 4,7% e 2,9% respectivamente.

Conforme a comparação com 2019, a estimativa de crescimento da produção de soja é de 5,6% e 5,3% para o arroz. Já a produção de milho, deve apresentar um decréscimo de 3% em relação à 2019.

Distribuição regional

A região Centro-Oeste do Brasil será inegavelmente a com maior produção de grãos, ela deve chegar a 115,8 milhões de toneladas. Em segundo lugar está a região Sul, com um total de 73,6 milhões de toneladas, o Sudeste deve produzir 25,6 milhões de toneladas. O Nordeste e a região Norte devem produzir 21,9 milhões de toneladas e 10,5 milhões de toneladas respectivamente.

Isso significa um aumento de 14,3% na região Nordeste, 7,8% na Sudeste, 7,0% na Norte e 3,8% na Centro Oeste. A região Sul foi a única que apresentou um declínio, com uma queda de 4,7% na produção.

O Estado do Mato Grosso é a Unidade da Federação que lidera a produção nacional de grãos, sendo responsável por 28,4% da produção brasileira. Em segundo lugar está o Paraná, com 16,4%, seguido pelo Rio Grande do Sul de 10,7%, Goiás, 10,1%, Mato Grosso do Sul com 7,9% e Minas Gerais com 6,1%. Esses seis Estados representam 79,6% da produção de grãos do Brasil.

Já em relação às regiões do Brasil, a Centro-Oeste lidera, sendo responsável por 46,8% da produção nacional. A Sul representa 29,8%, a Sudeste 10,3%, Nordeste 8,9% e a Norte é a última, com 4,2% da produção de grãos no Brasil.

 

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.