Ibovespa recupera-se e fecha em alta de 1,7%, a maior desde maio

Dólar, por sua vez, registrou queda de 1,25%, cotado a R$ 5,17
-Publicidade-
Ibovespar recuperou-se nesta segunda-feira, 12
Ibovespar recuperou-se nesta segunda-feira, 12 | Foto: Andre Melo Andrade/Imaggini/Estadão Conteúdo

O Ibovespa, o principal índice da bolsa brasileira (B3), encerrou o dia com forte alta de 1,73%, aos 127.593,83 pontos. Trata-se do maior ganho diário desde 7 de maio, quando o principal índice da B3 se valorizou 1,77%. A recuperação observada nesta segunda-feira, 12, foi puxada pelo desempenho das ações da Vale e de bancos como Itaú Unibanco, Bradesco e Banco do Brasil, que avançaram entre 1,4% e 2,6%.

Dólar

O dólar comercial registrou queda de 1,25%, cotado a R$ 5,17. Trata-se da maior desvalorização da moeda norte-americana desde 6 de maio. O ativo quebrou uma longa sequência de altas diárias consecutivas, em meio à redução dos receios em torno da reforma tributária e à perspectiva de juros mais altos no Brasil. O dólar futuro, por sua vez, com vencimento em agosto, registrou perda de 1,48%, chegando a R$ 5,19.

-Publicidade-

Leia também: “Dólar encerra semana com valorização de 4%”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site