Leilão da primeira desestatização portuária do Brasil será em março

Edital prevê a transferência do controle da Codesa e a concessão dos portos de Vitória e Barra do Riacho
-Publicidade-
Porto de Vitória é um dos que serão concedidos à iniciativa privada
Porto de Vitória é um dos que serão concedidos à iniciativa privada | Foto: Divulgação/Codesa

O leilão da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), a primeira desestatização portuária da história do país, já tem data marcada: 25 de março de 2022.

O edital de licitação pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) prevê a transferência do controle da companhia e a concessão dos portos de Vitória e Barra do Riacho. O certame será realizado na Bolsa de Valores de São Paulo (B3).

O contrato, cuja vigência será de 35 anos (prorrogáveis por mais cinco), tem previsão de investimentos privados de quase R$ 335 milhões. Além disso, cerca de R$ 1 bilhão devem ser utilizados para o custeio de despesas operacionais.

-Publicidade-

Segundo o Ministério da Infraestrutura, mais de 15 mil empregos devem ser gerados de forma direta ou indireta durante o período de vigência do contrato.

A Codesa é uma empresa pública federal vinculada à Secretaria Nacional de Portos e Transportes Aquaviários da pasta. A companhia administra e explora comercialmente os portos de Vitória e Barra do Riacho.

“A desestatização vai trazer muito mais flexibilidade em termos de gestão, o que implica mais facilidade na construção de inovações para os atuais arrendatários e para atrair investimentos de forma mais rápida”, afirmou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

De acordo com o governo federal, o objetivo é atrair parceiros privados que tenham capacidade técnica, operacional e financeira para trazer maior agilidade à gestão portuária.

Com informações do G1

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.