Ministério da Infraestrutura autoriza construção de 9 ferrovias

Seis empresas privadas serão as responsáveis por aumentar o tamanho da malha ferroviária do país
-Publicidade-
Foto: Cristian Santinon/Flickr
Foto: Cristian Santinon/Flickr

Nesta quinta, 9, o Ministério da Infraestrutura assinou uma autorização para liberar a construção de nove ferrovias pela iniciativa privada. A medida faz parte do Programa Pro Trilhos, criado em setembro de 2020, e tem como objetivo aumentar a malha ferroviária no país.

Essa medida vai gerar um aumentando das ferrovias que existem nos Estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Paraná, Maranhão, Minas Gerais, Espírito Santo, Piauí e Pernambuco. Ao todo, seis empresas vão investir em torno de R$ 50 milhões para a construção de 3,5 mil quilômetros de trilhos.

Mapa com as ferrovias autorizadas
Mapa com as ferrovias autorizadas | Foto: Arte/Ministério da Infraestrutura
-Publicidade-

O Pro Trilhos não quer somente que a iniciativa privada trabalhe no aumento da malha ferroviária existente, mas que também invista no construção de novas ferrovias.

Através do programa, o Ministério já recebeu 36 propostas de construções. O investimento previsto dessas propostas é de R$150 bilhões para construção de mais de 11 mil quilômetros — os aportes devem gerar cerca de 2 milhões de novas oportunidades de trabalhos, diretas e indiretas.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.