No dia seguinte ao Copom, dólar sobe e vai a R$ 5,57; Ibovespa cai

Cenário negativo das bolsas ao redor do mundo e incertezas no ambiente interno influenciaram moeda norte-americana
-Publicidade-
Influenciado por cenário externo, dólar fechou em queda nesta quinta-feira, 9
Influenciado por cenário externo, dólar fechou em queda nesta quinta-feira, 9 | Foto: Reprodução/Pixabay

No dia seguinte à reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) que elevou taxa básica de juros da economia brasileira (Selic) de 7,75% para 9,25% ao ano, o dólar fechou em alta nesta quinta-feira, 9.

Em meio ao cenário negativo das bolsas ao redor do mundo e diante de incertezas no cenário interno, a moeda norte-americana encerrou a sessão em alta de 0,7%, negociada a R$ 5,57.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores brasileira, encerrou o pregão com perda de 1,6%, aos 106,2 mil pontos. O resultado interrompeu uma sequência de cinco altas consecutivas do indicador.

-Publicidade-

Ontem, ainda à espera da decisão do Copom, o dólar encerrou a sessão em queda de 1,49%, negociado a R$ 5,53. Foi o menor patamar de fechamento desde o dia 17 de novembro (R$ 5,52) e o maior recuo diário desde 11 de novembro (-1,8%).

Exterior

Na Europa, a Bolsa de Londres registrou queda de 0,2%. Em Frankfurt, as perdas foram de 0,3%, enquanto, em Paris, houve baixa de 0,1%.

Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones subia 0,06% por volta das 17h15  (pelo horário de Brasília), mas o S&P 500 registrava perdas de 0,5%. O Nasdaq caía 1,55%.

Também afetado pelas preocupações em torno da variante Ômicron do coronavírus, o petróleo quebrou uma série de três altas consecutivas. O WTI cedeu 1,96% em Nova Iorque, enquanto o Brent subiu 1,85% em Londres.

A cotação Brent é referência para os mercados europeu e asiático. Já o petróleo WTI tem o nome derivado de West Texas Intermediate. West Texas é a principal região petrolífera dos Estados Unidos, e o óleo WTI é aquele vendido pelos intermediários do West Texas.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.